Banner 1

JC Agora

Papo de Torcedor PALMEIRAS - Feliz 2020

Foto: AGIF (Fernanda Luz)

Caros Palestrinos, torcedores do maior campeão nacional, vamos repercutir a semana alviverde que teve dois resultados ruins: empate em casa diante do Atlético Mineiro e derrota para o Santos na Vila Belmiro. Resultados que colocam um fim na temporada do Palmeiras. Sim. Faltam jogos, pontos, etc. Mas acima de tudo, falta futebol.

A falta de futebol começou a aparecer no domingo dia 6 com o jogo em casa diante do Atlético Mineiro. Jogo era bom para o Palmeiras manter a distância para o Flamengo. Mas o time estava apático. Time desorganizado, sem chutar uma vez ao gol, viu Nathan brincar na frente da marcação e fazer o gol com facilidade em Weverton. 

Mano Menezes por incrível que pareça não tinha lá suas opções, visto o desfalque de Luiz Adriano. A principal medida para mudar o jogo (ou ao menos tentar) foi a entrada de Deyverson. O camisa 16 então foi o tradicional cemitério de jogadas alviverde. Tudo que ia para o jogador, simplesmente morria ali. Até que a derrota foi salva aos 37 do segundo tempo com Dudu fazendo o gol de empate. Resultado injusto pela produção da equipe e pela proposta do Atlético. Mineiro que vinha de 8 derrotas nos últimos 10 jogos, mal fazia esforço para não perder a partida. 

Mas se estava ruim, podia piorar. Santos na Vila Belmiro. Logo aos 13 minutos, bola levantada na área e Gustavo Henrique subiu sozinho para cabecear e fazer 1x0. Ninguém da defesa do Palmeiras subiu para marcar. Minutos mais tarde, Marinho aproveitou rebote de Jailson para marcar o segundo gol santista e então complicar de vez o torneio nacional para o Palmeiras. Sinceramente, o Palmeiras parecia que queria tomar de volta os 4x0 aplicados no primeiro turno. Mas algumas coisas chamaram a atenção nessa partida.

Dudu, um dos principais nomes do Palmeiras, estava apagado. Pipoqueiro? Alguns exagerados dizem que sim. Mas não adianta ter um Dudu com pelo menos outros 7 zumbis em campo. Scarpa que não sabe mais o que faz com a bola - aliás, tomou esporro do Mano Menezes no banco de reservas, com razão. Diogo Barbosa precisa aprender que cruzamento vai além de bola rasteira. William expulso por algo totalmente infantil e desnecessário da parte dele. Bruno Henrique estava mais preocupado e nervoso com o "olé" da torcida do que com seu futebol pífio.

Aí vem Luiz Adriano. Contratado, para variar, podre. Palmeiras adora contratar jogador podre. Incrível! Entrou Carlos Eduardo que não tem culpa de ser esse jogador limitado. Luiz Adriano fora mais uma vez, William suspenso, defesa totalmente mal organizada, lateral que não sabe o que faz com a bola. Mas a culpa cai geralmente em cima de quem? Dudu! Mas e o Ramires? Ah, está podre também. 

Já vamos pensar em 2020. Lá vai o tal do Mattos preparar um pacotão de reforços. Vem aí baciada, contratação a rodo, uma boa quantidade de jogador que nem aproveitado será. Enquanto a nossa base arrebenta em suas categorias, o nosso profissional deixa muito a desejar. Feliz 2020, palestrinos. Porque 2019 acabou.



Se inscreva em nosso canal no Youtube: TV Jovens Cronistas e confira nossos conteúdos esportivos, nesta segunda tem "JC Esportes" com os destaques do Brasileirão, dê sua opinião que é fundamental, seu like e divulgue para os amigos! 

Curta nossa página no Facebook: Jovens Cronistas!, siga-nos no Insta: @jcronistas 

Nenhum comentário