Banner 1

JC Agora

Crônicas da Rússia - E aí, quem decide?


Amigos! Que saudade que já começa a bater, parte de nossos cronistas (a quem agradeço de coração) já se despediu da cobertura da Copa da Rússia, assim como 28 seleções, dentre elas infelizmente a Brasileira (clique), mas claro, seguimos nossa cobertura e restam quatro, que em dois duelos decidirão as vagas na grande final no próximo domingo. E aí, quem será que chega lá? Claro que tudo pode acontecer, mas o nosso papel é fazer o exercício de análise e tentarmos nos aproximar de uma ideia do que possam acontecer nesses decisivos 180 minutos de semifinais.


França x Bélgica

É um duelo com cheiro de final, seja este, com a presença da Bélgica, ainda desqualificada por uma maioria pedante, que não acompanha nada além dos jogos do plim ás 21:45 e antes daquele apresentador "simpático". Mas que tem em seu time, jogadores de muita qualidade, multicampeões e que estão sim, entre os melhores do mundo em suas respectivas posições. Não foi "surpresa" e "vexame" nenhum a Bélgica eliminar o Brasil, foi um grande jogo de futebol, onde talvez com alguns minutos a mais teria sido levado a prorrogação e a história poderia ter sido outra. 

Do outro lado temos uma França, que desde o início qualificamos ao lado de Brasil e Alemanha (é...o futebol passa essas rasteiras na gente, mas a gente não foge do que diz, ao contrário de muitos colegas) como favorita não fez uma grande primeira fase, mas isso é até comum nas seleções que acabam campeãs, o crescimento acontece dentro da competição e é isso que vem acontecendo com o selecionado francês, o time cresceu coletivamente, o talento deste Mbappé da foto aparece cada vez mais e o de Griezmann, ainda que não como o grande protagonista que se esperava, aparece cada vez mais. 

Muito se fala que: "a defesa belga não vai aguentar Mbappé", de fato, não é uma defesa espetacular e ainda que fosse, o camisa 10 está destrutivo nesta Copa. Mas quem disse que "só a Bélgica" vai ter que "aguentar" os talentos franceses. A Bélgica (isso confesso pelos jogadores e por Roberto Martinez) atraiu o Brasil em uma tática que poderia ter sido suicida (sobretudo se a bola de Thiago Silva entra no começo da partida) para no contragolpe, se utilizar de todo o talento de De Bruyne, Hazard e Lukaku (maravilhoso este) e ainda tem uma arma letal como Mertens no banco, a França também terá certamente muito trabalho defensivo. 

Se a França já era favorita ao título a meu ver no começo, agora é ainda mais, ela tem todos os elementos (mesmo que não funcione a plena capacidade nas mãos de Deschamps) de uma seleção campeã, tem um grande goleiro, zagueiros interessantes, um cara como Kanté no meio, que ao lado de Casemiro é o melhor cabeça de área do mundo, um cara como Pogba que qualifica muito a saída e a chegada na frente e pode resolver em um lance individual como já fez na primeira fase e os atacantes nem se fala, além de ter boas peças de reposição. É um time que está pronto para ser campeão, mas enfrenta uma Bélgica magnífica. A meu ver se as equipes entregarem tudo que podem, será um grande espetáculo de futebol e as possibilidades são de 52% para a França e 48% para os belgas. 


Croácia x Inglaterra

Nossa, que jogo difícil, é o "menos badalado" digamos assim das semifinais, mas não será menos equilibrado e dramático, de forma diferente, tem tudo pra ser outro grande espetáculo de futebol, no aspecto tático, no aspecto do estudo e na questão da condição física croata. 

Fica parecendo que eu tenho "algo contra" o English Team, nada disso, é uma questão de maneira de enxergar futebol. Não me agrada o jogo inglês, mas há que reconhecer seus méritos táticos, sua competência nas jogadas aéreas, a segurança defensiva que tem demonstrado e claro, o poder de decisão desse extraordinário atacante do Tottenham, o camisa 9 Kane, são fatores que podem e será merecido, se levarem a Inglaterra a uma decisão de Copa do Mundo, goste eu ou não e isso nada importa. 

Como já dito na introdução deste jogo, a questão física croata pode decidir negativamente, Vrsaljko já está confirmado fora da partida desta quarta por lesão e o goleiro Subasic que ficou até o fim no sacrifício ante a Rússia é dúvida, diante dos problemas de desgaste o time inglês pode ter uma vantagem, não fosse isso eu daria até vantagem ao time croata, pela maior qualidade técnica que tem, por ter mais talento em nomes como Modric (da foto), Rakitic, Perisic, Mandzukic, Rebic, enfim, mas nas atuais condições, é 50% a meu ver pra cada lado, será que teremos mais uma prorrogação? 



E para vocês, quem chega a decisão? Opine! 




Curta nossa página: Jovens Cronistas! (Clique)




Imagens: Acervo JC. 


Nenhum comentário