Banner 1

JC Agora

Papo de Torcedor PALMEIRAS - Verdão "carniceiro"!


Caros palestrinos, torcedores do maior campeão nacional, vamos repercutir a vitória, goleada alviverde ante o Novorizontino nesta quarta-feira 21 de março de 2018, em jogo válido pela partida de volta das quartas de final do Campeonato Paulista. Palmeiras que foi desfalcado de Jailson e Borja na partida; suspensão e convocação, respectivamente, mas que não sentiu de maneira nenhuma esses desfalques. Ainda restava alguma dúvida se o Palmeiras iria entrar "mole", administrando, mas o verdão foi "carniceiro", homenageou o zagueiro Anderson Salles e amassou o Novorizontino.

Palmeiras foi a campo com Fernando Prass, Marcos Rocha, Thiago Martins, Antônio Carlos, Victor Luís, Felipe Melo, Bruno Henrique, Lucas Lima, Willian, Dudu e Keno. A partida começou com o Novorizontino tentando marcar o verdão em cima. Mas só tentando. Aos 6 minutos de jogo, jogada com Willian pelo lado esquerdo que cruzou para Bruno Henrique fazer o primeiro do verdão. Minutos mais tarde, boa trama entre Keno e Lucas Lima que devolveu a bola ao ponta que encobriu o goleiro Oliveira. Palmeiras seguia em cima e por pouco Lucas Lima não chegou a aumentar o placar exigindo boa defesa de Oliveira. Em seguida, Willian recebeu passe açucarado de Marcos Rocha e estufou a rede do Novorizontino. Para terminar a primeira etapa, Dudu veio em diagonal da ponta direita, cortou a marcação adversária e fez 4x0 para o Palmeiras ainda no primeiro tempo.

Na segunda etapa, Roger fez algumas modificações: saíram Thiago Martins e Marcos Rocha para as entradas de Edu Dracena e Tchê Tchê; este que fez papel de lateral direito. Novorizontino precisava de mais do que um milagre e não exigiu mais nada de Fernando Prass. Em compensação, Oliveira recebia bola quase que toda hora. Em cabeçada, por pouco Felipe Melo não fez o quinto gol. Ele teve uma chance de ouro após o árbitro assinalar pênalti em cima de Keno, mas resolveu fazer graça na cobrança e mandou a bola na Rua Turiassú. Roger mexeu pela última vez e colocou o jovem Papagaio no lugar do Willian. Lucas Lima recebeu belo passe de Keno na esquerda e cruzou na medida para Papagaio fazer 5x0, cabeceando sem precisar voar. Fim de papo. Palmeiras classificado.

O Palmeiras veio de uma vantagem larga. 3x0 construído no jogo de ida que poderia resultar em comodismo alviverde. Mas não. O time mostrou uma disposição muito forte e intensidade também. Time foi muito bem de maneira geral, não deixando o Novorizontino sair sequer do seu campo de defesa. Muitas jogadas ofensivas foram roubadas de bola no campo de ataque. Destaques da partida vão para Keno que entrou muito bem e Lucas Lima que acertou ótimos passes, ajudando a consagrar o pessoal "da frente". Não dá para elogiar a turma da defesa e nem para criticar, pois não foram muito exigidos. Boa ideia do Roger de não poupar, importante para manter ritmo de jogo, e fez o necessário nas substituições; não precisou de nenhuma mudança tática. A torcida com certeza deve ter gostado, não só da vitória, como também da atuação da equipe. Além de vencer, venceu jogando bem. Alguns podem dizer o famoso clichê de "ah, era o Novorizontino (modesto)". Vale lembrar que o mesmo time foi o terceiro melhor da classificação geral, ficando atrás apenas de Palmeiras e Corinthians! Anderson Salles (zagueiro do Novorizontino) falou em um áudio vazado várias vezes a palavra "carniça". Não sei se era em sentido de elogio ou crítica, mas o verdão foi carniceiro mesmo. Que seja assim sempre no resto do ano!

Agora é outra fase. Palmeiras deve enfrentar o Santos, São Paulo ou Bragantino. Qualquer um desses o Palmeiras tem que se impor e jogar o que vem jogando. Não é hora de afrouxar e sim de jogar o que sabem. Pouparam o ano todo de 2017 e realmente estão começando a jogar um futebol esperado em 2018. A pegada e a qualidade têm que ser mantidas!

Nenhum comentário