Entre os dias 19,20 e 21 de Agosto, foram realizados os jogos da 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. Pela primeira vez no campeonato, o líder Corinthians perdeu uma partida. O responsável por essa façanha foi o Vitória. O time baiano surpreendeu a todos e derrotou o alvinegro paulista em plena Arena Itaquera, por 1 a 0. Apesar do tropeço, o Grêmio não aproveitou, e com o empate diante do Atlético-PR, em casa, diminuiu apenas um ponto. Vale lembrar que o Timão tem um jogo a menos e pode aumentar a diferença para 10 pontos, caso vença a Chapecoense.

Os quatro primeiros colocados se mantiveram em suas posições. Porém, no G-6 pintaram mudanças. Flamengo e Cruzeiro entraram, Sport e Atlético-PR saíram.No Z-4, o São Paulo, com empate em jogo direto ante o Avaí, em Santa Catarina, voltou ao grupo dos quatro últimos.  A Chape, com a vitória fora de casa contra o Palmeiras, saiu. Na artilharia, um novo-velho nome: Henrique Dourado. Com os dois gols marcados na vitória contra o Atlético-MG, no Maracanã, o 'Ceifador' voltou a se isolar na primeira colocação deste quesito, com 12 gols marcados, ultrapassando Jô.

Cruzeiro, Ponte e Bahia, subiram três posições cada, com as vitórias conquistadas. Quem se deu mal foi o Sport, que caiu quatro colocações. Atualmente, o time com melhor fase na competição é o Atlético Paranaense, já são cinco jogos invictos, com 4 vitórias consecutivas, antes do empate no fim de semana. O inverso se aplica ao Vasco. Em seu quinto jogo sem vitória, a equipe chegou a sua terceira derrota nesse período.


Na Arena Corinthians, o Corinthians recebeu o Vitória com franco favoritismo e o resultado surpreendeu a todos. O time baiano venceu fora de casa e acabou com a invencibilidade do Timão no Brasileirão 2017 e 34 jogos na temporada. O gol da partida foi marcado por Tréllez, aos 11 minutos do primeiro tempo.

Apesar da derrota, o Corinthians continua isolado na liderança da competição, com 47 pontos. Sete a mais que o segundo colocado, Grêmio. O time alvinegro tem ainda um jogo a menos. O Vitória, com os três pontos conquistados, embolou a briga contra o Z-4, subindo para 18º, com 22 pontos. Veja o que acha Adriano Garcia, sobre a primeira derrota do Timão (Clique)



Na Ilha do Urubu, o Flamengo recebeu o lanterna Atlético-GO e fez o que dele se esperava, voltou a vencer após três derrotas consecutivas.

O grande destaque da partida foi a jovem promessa Vinícius Junior. O atacante marcou os dois gols da vitória flamenguista. O primeiro foi aos 10 minutos do primeiro tempo. Aos 29' do segundo tempo, ele ampliou.

Com o resultado, o Flamengo subiu par a 5ª posição, com 32 pontos. Já o Atlético-GO, continua na lanterna com 15 pontos e vendo os seus concorrentes se distanciarem.



Na Arena do Grêmio, o time da casa foi a campo com o seu time reserva e ficou no empate com o Atlético-PR. O time paranaense vinha de quatro vitórias consecutivas.

No entanto, o Tricolor gaúcho perdeu a chance de diminuir a diferença para o líder Corinthians, que perdeu em casa.

Em jogo pouco movimentado, as duas equipes deixaram de alcançar seus objetivos na tabela de classificação. Com o empate, o Grêmio continua em 2º com 40 pontos e o Atlético cai para 7º, com dez pontos a menos.


No Mineirão, o Cruzeiro foi a campo com os titulares (mesmo tendo confronto decisivo na quarta-feira diante do Grêmio, pela Copa do Brasil) e usou disso para vencer o Sport, ultrapassar o rival e entrar no G-4. Com um gol em cada etapa, o Cruzeiro foi superior na partida e venceu sem maiores problemas.
A vitória cruzeirense começou a ser construída aos 33 minutos do primeiro tempo, quando Sassá abriu o placar. No segundo tempo, Raniel (que substituiu Sassá) fez o segundo e decretou a vitória, aos 41 minutos, consagrando Mano Menezes. O Sport teve boas chances, principalmente com André, mas o atacante do Leão não se encontrava em tarde inspirada. Com a vitória, o Cruzeiro subiu para 6º, com 30 pontos. O Sport caiu para 9º, com 29.



Na Arena Fonte Nova, o Bahia goleou o Vasco por 3 a 0 e deu uma respirada longe da Zona de Rebaixamento. O Gigante da Colina chega ao seu 5º jogo sem vitória.

Com jogo bem parelho, o time da casa aproveitou melhor as suas chances e fez 2 a 0 ainda no primeiro tempo. Tiago, de cabeça, abriu o placar aos 22 minutos de jogo. Aos 48', Mendoza ampliou, usando a sua principal característica: a velocidade.
Na volta do intervalo, logo no primeiro minuto, Mendoza fez mais um e fechou o placar.
O Bahia subiu, com a vitória, para 12º com 26 pontos. O Vasco, em situação delicada caiu para 16º e é o primeiro time fora do Z-4, com 25 pontos.
Veja a análise do vascaíno Joseclei Nunes (Clique).



No Moisés Lucarelli, a Ponte Preta contou com o talento de Emerson Sheik para vencer o 'mistão' do Botafogo. No primeiro tempo, dois gols antes dos 15 minutos de jogo. Aos 12', Sheik abriu o placar. A reação do Fogão foi imediata, e aos 20 minutos, Brenner, de pênalti, empatou o duelo. Daí em diante, o jogo se mostrou bem equilibrado, com algumas chances para ambos o lados. O goleiro Jefferson brilhou, principalmente nas aparições de Felipe Saraiva. Aos 42 minutos, Sheik 'completou o serviço', e deu a vitória à Macaca. Com a vitória, o time campineiro sobe para a 11ª colocação, com 27 pontos. Já o Bota cai para 10º, com 28.



Na Ressacada, o Avaí enfrentou o São Paulo, em duelo contra o Z-4. No final, tudo igual e resultado ruim para as duas equipes.

Com um primeiro tempo de superioridade do time paulista, mas pouca efetividade na definição, os
gols da partida saíram na segunda etapa. Ambos os tentos foram anotador em pênaltis.



Melhor na volta do intervalo, o Avaí abriu o placar com Júnior Dutra, aos 24 minutos. Dez minutos depois, o Tricolor reagiu e empatou com Hernanes. Douglas, mais uma vez fez grande partida, salvando o clube catarinense em alguns lances. Sidão foi mal pelo lado são paulino. Com a igualdade, o Avaí caiu uma posição e agora é o vice-lanterna, com 22 pontos. O São Paulo, caiu para 17º, com um ponto a mais, voltando para a zona perigosa.





Na capital paulista, o Palmeiras recebeu a Chapecoense. Ambas as equipes vinham de 1 ponto nas últimas duas partidas. Melhor para o Verdão do Oeste. Mesmo com muitos jogadores desgastados após volta de viagem, a Chape abriu o placar aos 38 minutos do primeiro tempo, com Fabrício Bruno.  Na mesma toada da primeira etapa, a equipe catarinense se fechou enquanto os donos da casa sufocavam. No fim, Túlio de Melo, aos 49', fechou o placar. Com a derrota, o Palmeiras para nos 33 pontos, ainda em 4º lugar. Já a Chapecoense chega aos 25, sobe para 15º e sai do Z-4. A equipe tem um jogo a menos. Leonardo Carrazza analisou o revés palmeirense. (Clique)


No Couto Pereira, Coritiba e Santos ficaram no empate, 0 a 0. Pela terceira vez consecutiva, o time santista empata sem gols no Campeonato.
Apesar de não haverem gols, as duas equipes criaram bastante e tiveram bastante oportunidade de gols. Muito disso se deve também a forte chuva que complicou a vida dos jogadores. O Coritiba chegou mais perto, acertando a trave aos 34 minutos da etapa final. Nilmar estreou pelo Santos.
Com o resultado, o Coritiba caiu para a 14ª posição com 26 pontos e o Santos se mantêm em 3º, com 37.



No fechamento da roda, no Maracanã, o Fluminense recebeu o Atlético-MG. O time mineiro buscava iniciar uma arrancada na competição, o que não aconteceu. O Tricolor carioca chega na mesma pontuação que o Cruzeiro, primeiro time no G-6.

Com pouco mais de 9 mil pessoas presentes (na semana que o Flu anunciou o Maracanã como a sua casa até o fim do ano), o time da casa fez valer o seu mando de campo e contou com a noite inspirada do seu artilheiro Henrique Dourado. No primeiro tempo, ele abriu o placar aos 37 minutos, após escanteio cobrado por Scarpa. O Galo voltou com gás, e Valdívia (que entrou no intervalo) empatou o jogo aos 11 minutos. Ele ainda acertou a trave após o gol de empate e quase virou.  Vale lembrar que Micale foi expulso ainda na primeira etapa. Mas no fim, aos 42 minutos, Henrique Dourado decretou a vitória carioca após novo passe de Scarpa. Com a vitória, o Fluminense sobe para a 8ª colocação, enquanto o Atlético Mineiro caiu para 13º, com 26 pontos.



Resultados

Sábado, 19/08:
Corinthians 0x1 Vitória
Flamengo 2x0 Atlético-GO

Domingo, 20/08:
Grêmio 0x0 Atlético-PR
Cruzeiro 2x0 Sport
Bahia 3x0 Vasco
Ponte Preta 2x1 Botafogo
Avaí 1x1 São Paulo
Palmeiras 0x2 Chapecoense
Coritiba 0x0 Santos

Segunda, 21/08:
Fluminense 2x1 Atlético-MG

CLASSIFICAÇÃO

1
Corinthians
47
2
Grêmio
40
3
Santos 
37
4
Palmeiras
33
5
Flamengo
32
6
Cruzeiro
30
7
Atlético-PR
30
8
Fluminense
30
9
Sport
29
10
Botafogo
28
11
Ponte Preta
27
12
Bahia
26
13
Atlético-MG
26
14
Coritiba
26
15
Chapecoense
25
16
Vasco
25
17
São Paulo
23
18
Vitória 
22
19
Avaí
22
20
Atlético-GO
15

22ª Rodada

Sábado, 26/08:
Fluminense x Vasco
Corinthians x Atlético-GO

Domingo, 27/08:
Flamengo x Atlético-PR
Palmeiras x São Paulo
Bahia x Botafogo
Ponte Preta x Atlético-MG
Cruzeiro x Santos
Avaí x Chapecoense

Segunda, 28/08:
Coritiba x Vitória

Sábado, 02/09: 
Grêmio x Sport


É apaixonado pelo seu time, tem visão de jogo e gosta de escrever? Venha ser um cronista torcedor, saiba como curtindo e entrando em contato através de nossa página: Jovens Cronistas! (Clique) 


Compartilhe:

Gervasio Henrique

Jovem jornalista, 23. Ciente de que a batalha está começando e mais certo ainda de que lutará com todas as forças por seus ideais. Maior intimidade com esporte, automotivo e cultural. "Sem sonhos não há vida".

Deixe seu comentário:

0 comments so far,add yours