Banner 1

JC Agora

Papo de Torcedor VASCO – Empate e novo técnico

Após empatar e ser eliminado na terceira fase da Copa do Brasil para o Vitória, o Vasco empatou no Nilton Santos com o Botafogo em 0 a 0. 


O Vasco não fez boa partida, com o técnico interino Valdir, ele colocou os jovens em campo, e alguns trintões do ano passado, como Andrezinho e Nenê, além do zagueiro Jomar, que vem cumprindo o seu papel, fazendo alguns desarmes importantes, podendo deixar Rodrigo no banco. O melhor da partida foi o goleiro Martín Silva, trazendo aquela segurança de sempre com duas grandes defesas e garantiu que o não levasse gol, onde não acontecia desde fevereiro na vitória contra a Portuguesa da Ilha do Governador. O jovem Henrique é outro destaque e vem se firmando na Lateral Esquerda, criando boas alternativas e ajudando no sistema defensivo. No meio podemos falar do jovem Douglas, que novamente, foi um dos destaques do time se tornando a principal arma de ligação entre os setores, dando boa movimentação ao meio. No ataque, até o momento, Luís Fabiano não disse a que veio, porém teve a sua participação em relação aos jogos anteriores, chegando a balançar a rede, mas estava impedido.

Não dá para cobrar após 2 dias de trabalho na partida contra o Botafogo. Com o técnico interino Valdir, o Vasco continuou errando demais, mostrando preocupação ao torcedor vascaíno, lembrando os tempos de Cristóvão, com falhas defensivas no meio-campo, onde abriram demais e se não fosse a boa atuação do goleiro uruguaio, seria mais uma derrota para um clube de Série A.



Milton Mendes é o novo técnico do Vasco

Dois dias depois a demissão do técnico Cristóvão Borges, o Vasco conheceu o seu substituto, anunciando Milton Mendes como o comandante da equipe. Ex-jogador e revelado no Vasco, Milton Mendes é catarinense e está com 51 anos. Ele começou a carreira de treinador em Portugal e no Brasil ele treinou o Paraná Clube, Ferroviária-SP, Atlético-PR e Santa Cruz, onde foi campeão pernambucano e da Copa do Nordeste) mas viu o time cair de produção (muito por conta de desastres diretivos, com atrasos de salários chegando a 3 meses) e participou da campanha do rebaixamento à Série B do Brasileirão.

No Atlético Paranaense, Milton mudou a forma de jogar, com a defesa sendo o seu ponto forte, buscando proximidade das linhas e a marcação por zona. Quando perdia a bola, a equipe tinha como característica, pressionar o adversário com a bola, com o objetivo de ter tempo para recompor de maneira compacta e a se posicionar próximo do meio do campo. As suas equipes possuem um padrão técnico muito bem definido e no Vasco, que não segue nenhum padrão, será o seu maior desafio.

Além desse desafio, Milton Mendes terá outros problemas como a torcida, que ficou dividida nas redes sociais, uns preferiam um nome de mais peso e outros considerando uma válida. A convivência com o departamento de futebol, a parte física com alguns desfalques como Luan, Rodrigo, Wagner, Kelvin e Guilherme e alguns reforços que vieram em condições abaixo, como Luis Fabiano, que ainda busca o ritmo ideal e a necessidade de reforços para o Campeonato Brasileiro, pois que vimos nas partidas anteriores, o Vasco tem grandes chances de brigar pelo rebaixamento.

O Vasco está de novo técnico, apesar de ser estudado e com títulos como a Copa do Nordeste, esse será o maior trabalho do novo técnico. Apesar das criticas de alguns, Milton conhece o Vasco e tem tudo para dar certo. Precisamos paciência e torcer para que der tudo certo. Saudações Vascaínas.


Fotos: Getty Imagens e Vasco/Divulgação


*José Nunes (@JosecleiNunes) é fundador e editor do blog Futebol Retrô. Escritor, graduado em história. Ama futebol e um bom papo de botequim.

Nenhum comentário