Banner 1

JC Agora

Mais SP - Semana do Gestor #06

Vamos acompanhar semanalmente o mandato do prefeito tucano João Dória à frente da Prefeitura de São Paulo. O Gestor, como ele bem frisa, terá muito trabalho no comando da maior cidade da América Latina, e estaremos atentos a todas as suas ações. Portanto, todo sábado, traremos aqui um compilado do que o mandatário realizou em suas atribuições.

6ª Semana De gari na CBN à  descalço no Matarazzo





Dória é um comunicador nato, daqueles que a oratória, assim como hemácias, plaquetas e glóbulos brancos, faz parte da composição sanguínea. Ele passou parte da manhã do sábado (04), ao lado da jornalista Fabiola Cidral e Renata Lo Prete, no jornalístico CBN São Paulo da rádio CBN. Trajado com o esverdeado uniforme de gari, o prefeito, por vezes, contribuiu em geração de conteúdos para canais que apoiadores de sua gestão. Os MBL da vida. 


Em alguns momentos chegou a elevar o tom da conversa e contrariando as apresentadoras, Dória reforçou seu cisma com os pichadores, divulgou números da Prefeitura nesse primeiro mês, e quando foi questionado a respeito da opinião de especialistas, em um discurso eleitoral disparou que “não trabalha para especialista, mas sim para o povo de São Paulo”. A entrevista na rádio CBN rendeu muitos likes em suas redes sociais. Na noite de sábado, o prefeito foi bater uma pelada, um society com os parceiros.

O domingo não poderia ser diferente, tratando-se de Dória. Camiseta branca e pá em mãos, tapou buracos e reparou calçadas pelo Calçada Nova do Mutirão Mario Covas, em Aricanduva, na ZL. Lá o prefeito reforçou o intenso trabalho de zeladoria da cidade e ainda acompanhou o belo trabalho de recuperação de crianças com necessidades por meio da capoeira. O Clube Escola Vila Manchester oferece muitos projetos de forma gratuita e um deles é o uso da brasileiríssima expressão cultura, a capoeira, para ajudar pessoas com necessidades especiais. O prefeito disse que ficou comovido com o trabalho e que a Prefeitura, daqui em diante, ajudará na manutenção do projeto.


De acordo com a SPTRANS durante todo o ano passado, 2,9 bilhões de passageiros foram transportados pelos ônibus da cidade. Nessa segunda (06), no Terminal Capelinha, Zona Sul, mais precisamente na linha 6450-10 com itinerário Term. Capelinha / Term. Bandeira, os indicadores da SPTRANS registraram a primeira viagem do bilhete único cadastrado e com foto do prefeito João Dória. O prefeito acordou cedinho e às 5h30min já estava no terminal da Zona Sul para, segundo ele, vivenciar os problemas para encontrar soluções. “Para encontrar soluções é preciso vivenciar os problemas”, comenta sua rede social após publicar o vídeo em que chega ao terminal acompanhado do secretário de transportes, Sergio Avelleda, e diretores da São Paulo Transportes. Além de fazer o trajeto até o Terminal Bandeira, Dória conversou com passageiros que não se sentiram incomodados com a presença do mandatário. Nessas conversas, o prefeito pediu que avaliassem os serviços relacionados ao transporte público. Alguns chegaram a responder, deram, em uma escala de 0 a 10, a nota 7 para os serviços prestados pela SPTRANS. Dória disse que continuará a realizar visitas ou inspeções nesses moldes por todas as áreas da prefeitura. Pela tarde o prefeito cumpriu mais uma de suas promessas de campanha, a doação de seus salários para instituições de caridade. A Primeiro projeto a receber R$ 17.947,00 referentes ao primeiro salário do prefeito foi a AACD, instituição que oferece assistência para o tratamento de pessoas deficientes. 


A semana ainda contou com a primeira reunião do Redenção, o programa da Prefeitura que dará a oportunidade de reabilitação para usuários de drogas da cidade. O projeto em parceria com o Governo Estadual tem foco a Cracolândia, na região central. Na quarta (08), o prefeito apresentou as primeiras medidas do programa de desestatização que ele promoverá em várias áreas de serviços da cidade. Além das ações já anunciadas, como as privatizações de parques, complexo do Anhembi e autódromo de Interlagos, em nome da “Gestão Eficiente”, Dória irá privatizar o Bilhete Único. Segundo o prefeito, a mudança no controle do cartão, que hoje é da Prefeitura, trará aos cofres públicos uma economia de R$ 400 milhões.


Dória, assim como os apresentadores Augusto Liberato e Luciano Hulk em seus programas, para  resolver problemas convoca empresas, os famigerados parceiros. Nos programas de TV, esses parceiros buscam um retorno midiático, publicidade sobre a realização de sonhos como casa própria ou retorno para a terra natal. Na Prefeitura, até esse momento, ainda não conseguimos compreender o intuito dessas alianças. Essa semana, o prefeito reuniu donos de laboratórios, como Sidney Oliveira, e juntos conseguiram arrecadar, segundo a Prefeitura, 381 milhões de doses que servirão como uma ação emergencial para a falta de medicamentos na rede publica de saúde. 


Prefeito ainda entregou a nova pintura, jardim, iluminação e dois chafarizes funcionando na região do Túnel Nove de Julho, no Centro.  


Dória ainda respondeu as reclamações feitas por Edson Marques e Benedito Mascarenhas, prefeitos regionais de São Mateus e Vila Mariana respectivamente, na Rádio Estadão. Os prefeitos regionais falaram que estão enxugando o gelo em relação às pichações e que as ações, até agora, não são tão efetivas assim. “É enxugar gelo, como se diz. O que cabe exatamente para nós é ir lá pintar aquilo que foi sujado”, comentou o regional da Vila Mariana, contestando a ação mais contraditória de Dória. Já Marques, prefeito regional de São Mateus, parece não está tão satisfeito com os comandos do prefeito. “Nós acabamos fingindo que estamos fazendo e na verdade você vai agindo sob pressão”


O prefeito João Dória disse que “na próxima serão demitidos” e que os servidores têm que servir. “Nós estamos aqui para enfrentar os problemas, não para reclamar dos problemas. Estamos aqui para dar soluções para os problemas e para a população, não é para dizer que não tem recurso, não tem isso, não tem aquilo. Somos servidores para atender as necessidades da população, em qualquer circunstância”, falou Dória.  

Imagem: Reprodução/Instagram


Sábado, dia de se vestir de gari, pegar na mangueira e ir limpar praças, calçadas. Hoje, sábado (11), Dória esteve pela manhã na Praça da Republica, depois, assim como fez na 4ª Semana, o prefeito, trajado com o esverdeado uniforme de Gari, seguiu para uma reunião do secretariado, no Edifício Matarazzo.  

Nenhum comentário