Banner 1

JC Agora

Seleção Brasileira - As "surpresas" finais de Dunga


Amigos, estamos mais uma vez juntos para analisar uma convocação com surpresas, retornos necessários e inusitados, da mesma forma as estreias, e também algumas ausências não muito coerentes, aproveitando esse momento, é claro que há um nítido distanciamento do torcedor em relação á Seleção, mas seguiremos cobrindo tudo o que acontece, afinal, se queremos ter uma postura crítica em relação ao time Brasileiro, (que apesar de ser comandado diretivamente por quem é, ainda é o nosso time), precisamos saber o que está acontecendo, verificar os erros e apontar soluções, também reconhecendo possíveis acertos, portanto, basta que tenhamos um leitor, seguiremos acompanhando a Seleção Brasileira. Vamos á análise desta que é a última chamada antes das eliminatórias, para os jogos de 5 e 8 de Setembro contra Costa Rica e Estados Unidos.


Goleiros: Jefferson (Botafogo), Marcelo Grohe (Grêmio) e Alisson (Internacional)

Não há ressalvas quanto á convocação dos goleiros, essa coisa boba de "Jefferson está na Série B", é muito claro que ele está longe de ser um goleiro de Série B, ao contrário, jogaria em muitos times do planeta, times inclusive de primeiro escalão, estar na 2ª Divisão é circunstancial. O nome de Diego Alves sempre é lembrado por nós, mas está bem convocado também o Marcelo Grohe, e é justíssima a convocação de Alisson que num momento difícil do Inter vem sendo o grande destaque, um goleiro de muita qualidade e com idade olímpica, mesmo sob aquele olhar de desconfiança quanto a mais um jogador convocado do Inter, (por parte de alguns), mesmo com a desaprovação de alguns torcedores do próprio Inter (que fingem desconhecer que o sonho de todo atleta é vestir a camisa de sua Seleção, independente dos problemas políticos), faz-se justiça com essa chamada, e que ele possa ter continuidade, tanto no ciclo olímpico quanto de eliminatórias.


Zagueiros: David Luiz e Marquinhos (PSG), Miranda (Internazionale) e Gabriel Paulista (Arsenal)

Bem, gostando ou não David Luiz seguirá sendo convocado, eu mesmo penso nele muito mais como um primeiro volante de qualidade do que como o zagueiro por vezes estabanado que é, mas não é correto descartá-lo, está de forma justa sim na lista. Miranda é o incontestável, não sabemos como ele chegará na Copa, até pela idade, mas enquanto ele tiver fôlego vale e muito sua titularidade. E por fim, é muito estranho, o Gabriel Paulista não se estabeleceu no Arsenal, não é titular, daí tu o convoca, mesmo tendo Thiago Silva, que eu tinha restrições desde que aqui no Nense se alcunhava ele de Monstro, eu achava isso um grande exagero, depois acrescentou-se o "S.A" ao Monstro, que deu seguidos vexames emocionais e tornou as restrições que já tinha a ele em níveis de ranço, porém em campo, em condições "normais" sua qualidade é inconteste, e ainda há o Gil, do Corinthians, que não pode estar atrás de Gabriel, a tão falada coerência de Dunga não se apresenta nesse teste já ai.


Laterais: Dani Alves (Barça), Danilo (Real Madrid), Filipe Luís (Atlético de Madrid) e Douglas Santos (Atlético/MG)

Bem, não há ressalvas quanto aos destros, na direita tudo certo, diferentemente da esquerda, mantém-se de forma inconteste Filipe Luís, mesmo com a temporada ruim no Chelsea, e não convoca-se Marcelo talvez justamente pra isso, assim como ocorria com Dani Alves, pois sabe-se que ao convocar um atleta dessa qualidade, não há como colocar no banco, e faz-se mais uma experiência com um menino, após expôr Geferson, dá-se a "chance" á Douglas Santos, nunca o vi como um dos destaques do Galo, mas posso ser injusto se pessoalizar a avaliação, portanto o caminho é outro, o caminho é questionar o que Dunga tem contra Marcelo?


Volantes/Meias: Luiz Gustavo (Wolfsburg), Fernandinho (Manchester City), Elias (Corinthians), Ramires, Oscar e Willian (Chelsea), Kaká (Orlando City) e Lucas Lima (Santos)

As restrições que tenho á Luiz Gustavo já foram expostas muitas vezes, não é necessário repetir isso, virou cult falar bem dele, mas acho que o nosso futebol precisa de volantes mais modernos, por isso faz falta ver um Casemiro na convocação, ainda mais quando se olha pra esse volante, que representa o atraso tático que vive um futebol Brasileiro, de ainda precisar ter um brucutu á frente da zaga, Fernandinho é outro nome totalmente dispensável. Sobre Lucas Lima, é interessante a convocação, o garoto vem muito bem, mas Felipe Anderson está na fila há mais tempo, tomara que seja apenas uma questão de início de temporada na Europa, pois o momento do Ex-Santos, hoje na Lazio é fantástico. Kaká foi e ainda é um grande jogador, lidera seu time e inclusive é uma grande bandeira da MLS, mas será mesmo que ele precisa ser testado em amistosos, deixando ainda de fora Coutinho, que de fato ainda encontra dificuldades para se achar na Seleção, mas é sem sombra de dúvidas uma de nossas grandes esperanças, não dá pra entender, Kaká não precisa de testes, é um atleta que num momento crítico, poderia ser chamado, não em amistosos caça níqueis da CBF.


Atacantes: Neymar (Barça), Firmino (Liverpool), Lucas (PSG), Hulk (Zenit) e Douglas Costa (Bayern)

Sem grandes ressalvas, o ataque é bastante leve, não há nenhum centroavante de ofício, muito importante a volta de Hulk, muitos torcem o nariz, mas é um atleta de alta capacidade de decisão e tomara que não seja só para amistosos. E Douglas Costa logo perde a aura de Shakhtar, e essa vaga gasta á toa será destinada de uma melhor forma.



Houve também convocação da Seleção Olímpica, que enfrenta também no dia 8 a França:

Goleiros:

Ederson (Benfica)
Jean (Bahia)

Zagueiros:

Lucão (São Paulo)
Marlon (Fluminense)
Wallace (Monaco)
Rodrigo Ely (Milan)

Laterais:

Fabinho (Monaco)
Maicon (Livorno)
Wendell (Bayer Leverkusen)
Jorge (Flamengo)

Volantes

Rodrigo Caio (São Paulo)
Lucas Silva (Real Madrid)
Otávio (Atlético Paranaense)
Eduardo Henrique (Atlético Mineiro)

Meias e atacantes

Rafinha (Barcelona)
Andreas Pereira (Manchester United)
Felipe Anderson (Lazio)
Kelvin (Palmeiras)
Alisson (Cruzeiro)
Carlos (Atlético Mineiro)
Luciano (Corinthians)
Luan (Grêmio)

Quanto á esta convocação poucas ressalvas, apenas reforço a ideia de que Felipe Anderson já é jogador de seleção principal. 


Curta nossa Página: Jovens Cronistas! (Clique)

Nenhum comentário