Banner 1

JC Agora

Papo de Torcedor CORINTHIANS - Jogo amarrado e empate.


Amigos, Nação Corintiana, mais uma vez aqui falando de Corinthians, e hoje sobre um jogo chato, um jogo bastante amarrado, muito mais brigado do que jogado, o adversário acabou confundindo competitividade com brutalidade e isso aliado ao calor e á distância entre nossos jogadores propiciou o resultado positivo para o Ituano e negativo para nós.

Fomos á campo com uma formação alternativa sim, medida que aqui apoiamos e não é justificativa para não somarmos os três pontos, ninguém no Brasil tem o time reserva com a qualidade que temos, é claro, algumas peças claro não tem a mesma qualidade de um Danilo, Cristian ou Edílson, mas são úteis, Mendoza é um cara com sérias limitações, mas é muito voluntarioso, pode ser útil ao elenco e jogar nessa formação alternativa, enfim, Malcom também pouco apareceu e quando apareceu não foi efetivo, o fato é que talvez por essa característica do meio pra frente, o time apesar de não viver dando balão, pareceu o de meses atrás, muito descompactado, muito distante um do outro, os passes tinham de ser mais longos e os defensores adversários sempre chegavam junto, batendo o que junto ao forte calor, acabou intimidando o time.

Ainda sobre o jogo, é possível no pouco que se viu de futebol, destacar positivamente Cristian e Edílson que são jogadores que tem uma qualidade técnica diferenciada e em breve estarão jogando em nossa formação principal. Yago e Dracena formaram uma boa dupla, bastante coesa e segura, Uendel fez o que sabe, apoiou bastante e tem capacidade pra suprir sim a ausência de Fábio Santos, e Petros segue sendo a peça que é, compondo bem o grupo.

Vejam o que é engraçado, fizeram total escândalo no meio de semana por conta de uma falta (foi falta sim, apesar da cavada) bem mandraque de Sheik sobre o defensor do SPFC, que receberia sim a falta, mas já se desmanchava antes mesmo da chegada do atacante, uma postura inaceitável para um defensor, e um lance que na cultura de arbitragem mais rígida da Europa ou da Argentina, não seria falta. Hoje vimos um cavalo praticamente arrancar a perda do (nada carinhoso também) Petros, o lance seguir e o gol de empate sair. Quem está fazendo escândalo? Quem está esperneando? É preciso merecer vencer antes de atribuir á terceiros os resultado negativo, e não merecemos vencer, e se não bastasse, ainda há vozes distorcidas que tentam anular o pênalti sobre Edílson, o lance foi idiota do defensor do Ituano, evidente, mas isso não faz do carrinho na área que toca o ala Corintiano um toque nulo, um toque não-faltoso, ao se jogar como um cara pálida na área, ele permite que o jogador Corintiano se choque contra ele e haja a marcação da falta dentro da área, mas enfim, seguem julgando o Corinthians com o "supremo poder de comprar á tudo" (acho que não vamos nem "comprar" Guerrero), se não fosse por leviandade seria até uma honra, tamanho "respeito" pelo poder institucional do Corinthians.

Por fim, quero falar um pouco sobre Guerrero, primeiro esclarecendo que sou contra esse papo de chamar atleta de "mercenário", (como se não vivessemos numa sociedade capitalista), e sou favorável á (caso ele queira como já dito aqui) pagar/investir o necessário para que ele fique, por que é um 9 único hoje, e não é suprido em característica pela contratação badalada feita. Mas, ele está muito estranho, ele não parece centrado, ele parece estar tocando o f***, há algo de errado com Paolo, é bem verdade que ele tem de cumprir o contrato até o fim mesmo se não for ficar, mas o ideal é o termos 100%, o termos com vontade de jogar, e então acho que é necessário que Tite (especialista nisso) tenha uma conversa bem franca com ele sobre o que ele pensa, o atacante precisa voltar á nos inspirar a acrescentar a letra "i" ao seu sobrenome.

Curta nossa Page: Jovens Cronistas! (Clique)

Foto: Globoesporte.


Nenhum comentário