Banner 1

JC Agora

Papo de Torcedor INTER - Ainda se ajustando

Pessoal, mais um Papo de Torcedor INTER, aqui no Jovens Cronistas, para repercutir a semana colorada, que foi de derrota para o Shakhtar Donetsk por 2 a 1 no Beira-Rio e lamentar o falecimento do Vice Presidente de Futebol, Luiz Fernando Costa.

Na sexta a noite o Inter recebeu o Shakhtar e foi a campo com Alisson, Léo (Cláudio Winck), Ernando, Paulão e Fabrício, Nilton (Alan Costa), Willians, Aránguiz (Bertotto), D'Alessandro (Alex), Eduardo Sasha e Nilmar em um 4-2-3-1, apostando na velocidade de Sasha e ainda sem as presenças de Rever e Vitinho.

Taison comemora gol no Inter  (Foto: Diego Guichard/Globoesporte.com)

O Inter começou dominado e logo aos 4 minutos sofreu o gol do Shakhtar através de Luiz Adriano. Depois aos 15 Aránguiz quase marcou para o Inter, assim como Eduardo Sasha aos 23. Porém aos 25 em rápido contra-ataque, Taison foi lançado e marcou o 2 a 0 e os dois ex-colorados aos marcarem seus gols foram celebrados pela torcida e o Shakhtar teve amplo domínio das ações do jogo mostrando como se joga em um 4-2-3-1, quando se tem as peças certas.


No segundo tempo, o Inter diminuiu aos 6 minutos, após dividida de Léo com a defesa ucraniana a bola sobrou para Sasha que toco de cabeça para Aránguiz na pequena área fazer o 2 a 1. Quando o Inter parecia ter forças para empatar, aos 7 Willians recebeuo segundo cartão amarelo e foi expulso.

Depois os dois times tiveram oportunidade de marcar mais gols, e aos 31 tivemos Paulão e Alex Teixeira expulsos e o Inter quase chegou ao empate no fim com Bertotto, que desperdiçou grande oportunidade e assim o Inter estreia com derrota no Beira-Rio na Temporada 2015.


Gostei de Nilmar, parece que ele aos poucos vem recuperando a forma, mas não gosto muito deste isolamento dele como único homem de ataque, para mim o Inter deveria abandonar a ideia do 4-2-3-1, que aliás tivemos uma aula do Shakhtar de como se joga esta formação, tendo os jogadores certos para realizá-la. D'Alessandro para mim acaba sendo fragilizado pelo esquema, assim como Nilmar.

O Inter deveria jogar no bom e velho 4-4-2, com um outro atacante ao lado de Nilmar, que pode ser Vitinho, com dois meias, D'Alessandro e Valdívia, ou Alex, ou então dando liberdade a Aránguiz, para usá-lo como meia, mantendo Willians e Nilton como volantes.

Nilton aliás mostrou boas ações na partida, e Léo é bastante ofensivo, mas vai acabar nos deixando brechas na defesa e acredito que mais adiante Cláudio Winck, assume a titularidade, assim como Valdívia, mas ainda é cedo para se fazer terra arrasada e teremos que ver mais alguns jogos, para termos uma melhor ideia do time ideal para o Inter na Temporada 2015.

Luiz Fernando Costa morreu nesta madrugada | Foto: Rafael Cabeleira / Divulgação / CP Memória

Claro que não posso deixar de lamentar a perda do Vice de Futebol Luiz Fernando Costa que sofreu um infarto na madrugada deste domingo e nos deixou aos 53 anos. Ele demonstrou bom conhecimento de futebol e havia realizado contratações pontuais, uma grande perda e meus sentimentos aos familiares e a toda nação colorada.

Agora é se reorganizar para a partida contra o Lajaedense no domingo as 18hs, partida que é da abertura do Gauchão e também vale pela Recopa Gaúcha.

Nenhum comentário