Banner 1

JC Agora

Papo de Torcedor CORINTHIANS - Vencemos, mas que venha a Pré-Libertadores.


Amigos, Nação Corintiana, estamos mais uma vez aqui para comentar a rodada final do Brasileiro e começar a falar de 2015, foi uma vitória que acabou com gosto amargo pelo gol no fim do Inter, que nos leva á Pré-Libertadores, mas paciência, nos resta a lição de que não foi essa rodada final que nos levou a vaga direta, e sim a série de tropeços que tivemos na competição, onde esbarramos em nossos próprios erros.

O jogo começou dando a impressão de que seríamos um time sonolento, ainda bem que foi só a impressão inicial, logo á partir dos 7 minutos entramos no jogo, começamos á criar muitas chances, e perdê-las, com Guerrero, mas o volume de jogo era muito interessante, o Criciúma estava entregue e a impressão era de que o gol era questão de tempo, e foi o fato, Elias marcou aos 26 o gol que abriu o placar. O Corinthians diminuiu um pouco o ritmo á partir do gol, e o Criciúma teve um gol erroneamente anulado, á partir dai o Corinthians não tomou tantos sustos, retomando o controle do jogo.

A etapa final começou bem com o Corinthians seguindo criando, mas gradativamente o ritmo foi caindo, o Corinthians começou a fazer faltas laterais bobas e isso propiciou ao Criciúma a oportunidade de ganhar um escanteio e empatar a partida. Porém, mais uma vez o jogo mudou positivamente com a entrada de Danilo, a gente sempre diz por aqui que o jogo ideal para ele é quando o time vai pra cima, quando o time crê em sua qualidade e vai pra definir o jogo, não adianta colocá-lo pra correr atrás de bola levantada, e o Corinthians com ele foi definitivamente pra cima, criando várias chances e em uma linda troca de passes, Fábio Santos concluiu para a rede. Á partir daí foi apenas controlar o jogo e garantir a vitória, pena que no Sul, no minuto final a festa foi um tanto minimizada, mas paciência.

Vale destacar também a ótima atuação de Renato Augusto, o fato de Elias ter jogado bastante solto, Petros e seus malabarismos, mas participou bem. É inegável, apesar do adversário entregue que encontramos pela frente, vejo o Corinthians como um time fortíssimo, com condições de comandar as ações diante de qualquer adversário, e é essa a mentalidade que esperamos para o futuro do clube em 2015.


Vejam, Mano Menezes oficialmente não será técnico do Corinthians em 2015, muito se está debatendo isso pela conquista da vaga na Libertadores, mas eu mantenho a minha posição inicial, sou favorável á que esse trabalho não tenha continuidade por divergências táticas, o time rendeu menos do que poderia, perdendo pontos de forma boba, jogando por uma bola, recuando-se excessivamente frente á clubes de qualidade reconhecidamente inferior, enfim, precisamos de uma mentalidade vencedora, o que eu não vejo nesse treinador, mas agradeço os serviços prestados, e desejo que demonstre competência, se tiver competência a "sorte" é consequência.

Mas há uma questão importante, há que se analisar com muito cuidado a escolha, Tite e Oswaldo de Oliveira são os nomes em pauta pela direção, os dois nomes agradam, são treinadores que tem um plano de jogo mais compatível com o que se imagina de um time forte, mas não pode sair muito disso, como bem disse Gobbi, o Corinthians não pode voltar a ser um time que troca de treinador á cada 3 meses, até a continuidade do trabalho de Mano seria melhor do que isso, vamos aguardar e torcer.

Por fim quero dizer duas coisas, a Globo comemorou muito o fato do Corinthians disputar a Pré-Libertadores, evidente, mais audiência. E parabenizar quem conquistou a vaga na bola, independente de qualquer coisa, estão na Libertadores clubes que trabalharam por isso, que no campo, nos confrontos diretos não decepcionaram, e merecidamente, na fase de grupos ou pré, lá estão.

Curta nossa Página: Jovens Cronistas! (Clique)

Nenhum comentário