Banner 1

JC Agora

Papo de Torcedor INTER - Lomba e os arquivados


Torcida colorada bem-vinda a mais um Papo de Torcedor Inter, aqui no Jovens Cronistas, para repercutir a vitória colorada, mesmo com o time reserva, sobre o Caxias, pelo placar de 2 a 1, no estádio Centenário, pelo jogo de ida das semifinais do Campeonato Gaúcho. Resultado construído principalmente pelas grandes defesas de Marcelo Lomba e pelos gols de dois jogadores que acabaram inscritos de última na hora na competição, Camilo e Jonatan Alvez.

O Inter foi a campo com Marcelo Lomba, Bruno, Emerson Santos, Roberto e Uendel; Rithely, Patrick (Edenilson), Camilo, Guilherme Parede, Wellington Silva (Neilton) e Tréllez (Jonatan Álvez). O técnico Odair Hellmann, mandou apenas dois titulares a campo, Marcelo Lomba, que mostrou-se importantíssimo, para garantir a vitória e Patrick, que deu a assistência para o gol de Camilo e acabou também dando o passe para Foguinho, no gol do Caxias. 

Foto: Ricardo Duarte / Internacional

A partida começou bem franca e aberta, com os dois times jogando para o ataque. Aos cinco minutos, Patrick roubou bola de Jean e tocou para Wellington Silva, que tocou para Camilo, que da meia-lua, avançou para área, pela esquerda e chutou cruzado, Luis Cettin defendeu com o pé. Aos 11, após erro na saída de bola da defesa colorada, Bruno Alves invadiu a área, chutou e Marcelo Lomba fez grande defesa. Aos 32, Uendel tocou na esquerda para Patrick, que fez cruzamento de dentro da área e Camilo cabeceou para abrir o placar. Camilo que era um dos arquivados e que sequer estava inscrito no Gauchão.

Foto: Luiz Erbes/S.E.R. Caxias

No minuto seguinte, Júnior Juazeiro disputou com Patrick e Emerson Santos, e Patrick sem querer acabou tocando a bola para Foguinho, que avançou, invadiu a área e chutou cruzado, para empatar a partida. Aos 41, Uendel fez cruzamento da esquerda e Camilo dividiu a bola com Eduardo Diniz, que o derrubou na área, mas não foi marcada a penalidade.

No segundo tempo, o Caxias empilhou chances e só não marcou, porque Marcelo Lomba evitou os gols. Aos cinco minutos, Foguinho fez lançamento para Eliomar, que invadiu a área, mas demorou para finalizar e foi travado por Marcelo Lomba. Aos 24, Foguinho fez lançamento pelo meio para Bruno Alves, que invadiu a área, chutou e Lomba fez outra defesa. Aos 27, Eliomar roubou a bola de Emerson Santos avançou pela direita e tocou para Bruno Alves, que chutou e Marcelo Lomba fez nova grande defesa.


Foto: Ricardo Duarte / Internacional

Aos 37, Neilton puxou contra-ataque e lançou Jonatan Alvez, que avançou em velocidade, passou  por Thiago Salles, invadiu a área e chutou de cobertura, marcando belo gol, para garantir a vitória ao Internacional. Mais um gol de um dos arquivados do elenco, este para mim injustamente, pois o nosso técnico insiste em Trellez, que já mostrou que não rende nada, Jonatan Alvez em uma partida, mostrou sem bem mais útil do que seu concorrente, mas adivinhem qual deles foi inscrito na Libertadores, infelizmente o Trellez.

Foto: Gaúcha-ZH

Odair Hellmann assim consegue trazer boa vantagem para o jogo de volta, mesmo escalando apenas dois titulares. O 4-1-4-1, não é o sistema que mais me agrada, mas foi interessante ver Camilo e Patrick atuando mais centralizados, com Parede e Welington Silva nas extremidades, para mim os dois extremos não foram tão bem, mas fizeram mais um trabalho defensivo, do que ofensivo. Hoje curiosamente, quem marcou os gols, foram dois atletas, que sequer estavam inscritos inicialmente no estadual e estavam liberados para sair do clube, mas continuaram e hoje garantiram a vitória colorada.

Foto: Ricardo Duarte / Internacional

Marcelo Lomba fez grande atuação e graças a ele conseguimos sair com a vitória, com o time reserva. Ele conseguiu evitar quatro oportunidades claras de gol do time do Caxias, três de Bruno Alves. Nosso sistema defensivo se mostrou falho, pois Rithely parece muito fora de forma e o jovem Roberto me pareceu extremamente nervoso, mas como é jovem, espero que consiga evoluir.

Foto: Ricardo Duarte / Internacional

Espero que Trellez tenha feito uma de suas ultimas partidas com a camisa do Internacional. Ele mais uma vez, se mostrou totalmente improdutivo, ainda não marcou gol sequer e já chegamos em abril. Ele ganhou inúmeras oportunidades, mas não conseguiu demonstrar ainda o porquê de sua contratação, em mais uma das inexplicáveis contratações de Roberto Melo. Jonatan Alvez, por sua vez, que não tinha ganho sequer uma oportunidade, hoje entrou e já marcou um gol, em 15 minutos e criou outras oportunidades na partida. 

Com a vitória o Inter pode até perder por 1 a 0, na partida de volta, no próximo sábado (6) no Beira-Rio, que avança a decisão do Gauchão. Mas antes na próxima quarta-feira (6), o Inter recebe o River Plate, pela 3ª rodada da Libertadores, onde o Beira-Rio vai estar lotado, para que a torcida apoie em mais de 40 mil vozes o time a mais uma vitória, para chegarmos aos 9 pontos.



Se inscreva em nosso canal no Youtube: TV Jovens Cronistas, dê sua opinião que é fundamental, seu like e divulgue para os amigos! Acompanhe toda segunda-feira às 17h, o "JC Esportes" com os destaques do futebol no Brasil e na Europa no final de semana. 

Curta nossa página no Facebook: Jovens Cronistas!, siga-nos no Insta: @jcronistas 


Nenhum comentário