Tivemos nos dias 22, 23 e 24 os jogos da segunda rodada do Brasileirão 2018. O Corinthians, a exemplo do ano passado, começa a competição com tudo e já é líder isolado. O único time a vencer as duas partidas até então. No mais, bastante equilíbrio e uma tabela bastante embolada. 


BAHIA 1X0 SANTOS
Em Salvador, na Fonte Nova, o zero a zero parecia inevitável até o último lance da partida. Mas como ''a partida só acaba quando termina'', Júnior Brumado parecia estar ciente disso e deu a vitória aos baianos na derradeira tentativa.

Os donos da casa foram superiores no geral a mereceram a vitória, que quase não veio, muito graças ao goleiro Vanderlei. O camisa 1 santista, fez ótimas defesas em pelo menos três lances muito perigosos. Gabriel Barbosa mais uma vez não foi bem e ao contrário da última partida diante do Ceará, não pode contribuir para o seu time. Bruno Henrique voltou a atuar pelo Santos, mas pouco acrescentou também. 


FLAMENGO 2X0 AMÉRICA
No duelo realizado sábado (21), os holofotes ficaram sob o goleiro Júlio César, que realizou a sua última partida como jogador profissional, com o Flamengo. O goleiro teve boa atuação, se saindo bem quando exigido e ajudando a equipe a conquistar a primeira vitória no Brasileirão 2018.

Os dois gols da vitória flamenguista foram marcados por Henrique Dourado. Primeiro, aos 28 minutos, o centroavante se jogou em bola cruzada por Vinícius Junior, desviando para a rede. Ainda no primeiro tempo foi a vez do Ceifador ser letal com a sua principal arma: a cobrança de pênalti.
Ele mesmo sofreu a falta que deu origem ao segundo gol do Flamengo. O América até pressionou na segunda parte, mas parou no goleiro rubro negro.



PARANÁ 0X4 CORINTHIANS 
No Durival de Britto, o Paraná entrou em campo pela segunda vez diante de um adversário paulista e novamente foi derrotado. Desta vez porém, o atual campeão brasileiro aplicou sonoros 4 a 0.

Aos 25 minutos, Rodriguinho abriu o placar, aproveitando cruzamento de Sidcley. Um minuto depois, foi a vez do lateral esquerdo corinthiano arrancar com a bola desde o campo de defesa e ampliar, com um belo gol.

Com a vantagem, o Timão controlava o ritmo da partida, trocando passes sem pressa. O Paraná até tentou criar algum perigo no começo do segundo tempo, mas quem voltou a marcar foi a equipe paulista, com Clayson, aos 34 minutos. Gabriel, aos 40', fechou a conta. Vitória convincente e liderança isolada. Confira a análise da partida pela visão do Timão, por Adriano Garcia clicando AQUI.



ATLÉTICO-MG 2X1 VITÓRIA
O Galo conseguiu sua primeira vitória no Campeonato Brasileiro, justamente em sua primeira partida em casa. No Independência, a equipe mineira contou com os gols de Ricardo Oliveira e Roger Guedes, aos 19' do primeiro tempo e 28 minutos do segundo tempo, respectivamente para bater a equipe baiana, que descontou no fim com gol contra do zagueiro atleticano Gabriel. Otero novamente teve grande atuação. Apesar de não marcar, o venezuelano acertou a trave em duas oportunidades. 

O resultado representa a possibilidade de reviravolta para o Atlético Mineiro. Já o Vitória, continua com o único ponto da primeira rodada, sem vencer ainda na competição. 


CEARÁ 0X0 SÃO PAULO 
Após começos distintos no campeonato, Ceará e São Paulo buscavam uma vitória para se recuperar na temporada. Vale lembrar que no meio da semana passada o Tricolor foi eliminado da Copa do Brasil pelo Atlético-PR. 

Na estréia de Éverton com a camisa são paulina, o que se viu foi um jogo muito fraco tecnicamente e o placar fazendo jus ao que as equipes desempenharam. Nem mesmo o camisa 18, principal reforço da temporada para o clube paulista, pôde mudar o destino do duelo. O Ceará, que tinha suas principais fichas depositadas em Arthur e Felipe Azevedo chegaram poucas vezes, mesmo em casa. 

No fim do jogo surgiram as melhores chances, com Nenê, para o São Paulo e Felipe Azevedo, para o Ceará, mas os goleiros evitaram os respectivos gols. 


FLUMINENSE 1X0 CRUZEIRO
No Maracanã, duas equipes que perderam na primeira rodada, buscavam os primeiros três pontos da competição. Melhor para o Fluminense. 

Pedro, aos 3 minutos do segundo tempo, deu a vitória ao Fluminense, em gol com o rosto. O tento representou a vitória heroica do time carioca, que jogou praticamente a partida toda com um jogador a menos (o lateral Gilberto foi expulso aos 15 minutos da etapa inicial). Arrascaeta teve as principais oportunidades para o Cruzeiro, mas parou na trave e em Júlio César. Mais uma vez a raposa não conseguiu vencer com um jogador a mais, dessa vez por mais tempo. 

Após duas partidas, o Cruzeiro, um dos favoritos ao título do Brasileirão larga bem atrás do Corinthians, por exemplo, e terá que correr atrás do prejuízo nas próximas rodadas para fazer valer as apostas feitas no time mineiro. A equipe ainda terá que administrar as forças em mais de uma competição, já que está em situação de risco na Libertadores e ainda jogará a fase final da Copa do Brasil. 


CHAPECOENSE 1X1 VASCO
Na Arena Condá, Wellington Paulista novamente marcou para a Chape, fazendo com que a equipe saísse na frente pela segunda partida consecutiva. No entanto, mais uma vez a equipe de Chapecó não conseguiu manter a vantagem, desperdiçando, dessa vez, dois pontos. 

Wellington marcou aos 18 minutos, de cabeça, entre os zagueiros vascaínos. O aniversariante do dia, só não comemorou mais por que Andrés Ríos empatou o duelo aos 9' do segundo tempo, quando o Vasco voltou melhor e Thiago Galhardo encontrou o seu companheiro, que limpou e chutou no canto esquerdo de Jandrei. 


PALMEIRAS 1X0 INTERNACIONAL
No Pacaembu, outro time cotado como um dos principais favoritos, o Palmeiras, teve um duelo duro diante do Internacional, que vinha de vitória na sua volta à Série A. Em atuação pouco inspirada, o time paulista contou com Dudu para conseguir a primeira vitória no campeonato. 

A equipe gaúcha teve um começo de partida melhor e poderia ter mudado o fim da história, não fosse Jailson. Borja também teve duas grande oportunidades de cabeça em sequência, mas não marcou. Quem aproveitou, em cabeceio, foi Dudu, aos 39 minutos. O gol do camisa 7 foi o único da partida e deu a vitória magra ao time palmeirense. Após o gol, o capitão do alviverde não comemorou, protestando contra as críticas de alguns torcedores. Lucas Lima ainda acertou a trave no fim. Confira a análise do torcedor sob os ângulos de visão do Inter (Clique), por Mario Magalhães e do Palmeiras (Clique), por Leonardo Carrazza



GRÊMIO 0X0 ATLÉTICO-PR
Na Arena do Grêmio, duas equipes que jogaram no meio da semana passada, voltaram a entrar em campo alguns dias depois para buscarem a segunda vitória consecutiva, porém, isso não aconteceu. 

Em jogo bem movimentado, os donos da casa com um bom futebol, como de costume, chegaram perto do gol logo na primeira oportunidade com Luan. No lance, o camisa 7 acertou a trave em sua primeira partida no Brasileirão. O Grêmio não sossegou e continuou criando grandes oportunidades, uma atrás da outra, dominando completamente o primeiro tempo. Mas nada de marcar. 

Na segunda etapa, o Atlético se soltou mais e passou a atacar, chegando mais vezes. Fernando Diniz não contava, porém com a expulsão de Camacho, aos 28 minutos, após falta em Luan. O lance freou o ímpeto do Furacão, que então se fechou e chamou o time gaúcho para o ataque, acabando com qualquer chance de vitória. 

No fim, após se segurar, o empate acabou saindo melhor para o Atlético, que segue invicto na competição, assim com o Grêmio. Ambos têm 4 pontos. 


SPORT 1X1 BOTAFOGO
No encerramento da rodada, nesta segunda (23), Sport e Botafogo, ficaram no empate, frustrando a possibilidade de reabilitação na competição nacional. O Leão da Ilha só não venceu por que o goleiro Gatito estava em noite inspirada e salvou seu time de um resultado pior. 

O Jogo, no Pernambuco, parecia que terminaria empatado em mais um placar de zero a zero, porém nos minutos finais de jogo, as duas equipes marcaram. Aos 40 minutos do segundo tempo, após muita insistência, finalmente o Sport vazou Gatito. Éverto Felipe contou com desvio após corte e finalização para abrir o placar, na Ilha do Retiro. Rodrigo Lindoso, no entanto, evitou que o time carioca fosse derrotado com chute no cantinho do goleiro Maílson. 



PRÓXIMA RODADA

Botafogo x Grêmio
Atlético-MG x Corinthians
Paraná x Sport
Bahia x Atlético-PR
Fluminense x São Paulo
Ceará x Flamengo
Palmeiras x Chapecoense
Inter x Cruzeiro
América x Vitória
Santos x Vasco


CLASSIFICAÇÃO

Corinthians6
Atlético/PR4
Flamengo4
Vasco4
Palmeiras4
São Paulo4
Grêmio4
América/MG3
Internacional3
10°Santos3
11°Atlético/MG3
12°Fluminense 3
13°Bahia 3
14°Botafogo2
15°Vitória1
16°Ceará1
17°Sport1
18°Chapecoense1
19°Cruzeiro0
20°Paraná0





É apaixonado pelo seu time, tem visão de jogo e gosta de escrever? Venha ser um cronista torcedor, saiba como curtindo e entrando em contato através de nossa página: Jovens Cronistas! (Clique) 



Compartilhe:

Gervasio Henrique

Jovem jornalista, 23. Ciente de que a batalha está começando e mais certo ainda de que lutará com todas as forças por seus ideais. Maior intimidade com esporte, automotivo e cultural. "Sem sonhos não há vida".

Deixe seu comentário:

0 comments so far,add yours