A 25ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A foi realizada nos dias 23, 24 e 25 de Setembro.
Na parte de cima da tabela, o Corinthians segue líder com os mesmos 10 pontos de vantagem para o vice-líder (agora o Santos). O Grêmio perdeu mais uma em casa e saiu da segunda colocação após 12 rodadas. O Flamengo, com o empate diante do Avaí, em casa, saiu do G-6, dando lugar ao rival Botafogo. Com isso, o alvinegro carioca ''se vinga'' do Fla, após a eliminação na Copa do Brasil.
Na parte de baixo, a Ponte Preta entrou no Z-4 e foi o time que mais caiu na tabela. O Vitória saiu da Zona de Rebaixamento. O São Paulo empatou, mas continua mais uma rodada na Zona Perigosa. Por outro lado, a Chape subiu 5 posições, com a vitória em casa, e agora é o 9º colocado.

O time em melhor momento na competição é o Cruzeiro, com 4 vitórias e 13 pontos somados nos últimos 5 jogos. O pior momento é do Sport, com 8 jogos sem vitórias e 4 derrotas seguidas na últimas partidas. Na artilharia, tudo na mesma, com Henrique Dourado liderando (14 gols). Roger (Botafogo) e André, chegaram aos 10 e 9 gols respectivamente e aparecem entre os 5 maiores goleadores até aqui. 



Na abertura da rodada, o Flamengo recebeu, na Ilha do Urubu, o Avaí, segundo melhor time do returno até então. 
De olho na final da Copa do Brasil, no meio de semana, o rubro negro mandou a campo um time cheio de reserva, igualando ou diminuindo a diferença técnica do confronto. 
O primeiro gol da partida saiu aos 17 minutos do primeiro tempo. Pedro Castro, de falta, fez para os catarinenses. Assim, os visitantes se fecharam, dando campo ao Peixe, que não tinha eficiência para aproveitar. Isso até os 35 minutos, quando Rodinei acertou um belo chute de fora da área. O tento garantiu o empate para o time carioca, que poderia ter saído vencedor, caso Vizeu aproveitasse chance clara aos 47 minutos do segundo tempo. Final, 1 a 1. 


Na Vila Belmiro, após ser eliminado no meio de semana pela Copa Libertadores para o Barcelona-EQU, o Santos entrou em campo contra o Atlético-PR, para dar uma resposta ao seu torcedor. 
Na estreia do novo terceiro uniforme, o primeiro tempo foi equilibrado, com chances para os dois lados. Apesar da igualdade, o time da casa foi mais eficiente e abriu o placar aos  34 minutos, com Bruno Henrique, aproveitando o rebote de Weverton. 
Na segunda etapa, as equipes se alternaram no controle da partida, com os mandantes começando melhor e criando várias chances até a metade do tempo. No restante, o Atlético também chegou, mas o placar não foi alterado.
Com a vitória, o Santos assumiu a vice-liderança da competição, 10 pontos atrás do líder Corinthians. 


No Morumbi, às 11 horas de Domingo, a torcida do São Paulo lotou o estádio para empurrar a sua equipe contra o rival Corinthians e tentar sair da Zona de Rebaixamento. O público aliás, foi o melhor da temporada 2017, com 61.142 torcedores.
No jogo como um todo, o Tricolor foi bem melhor e teve muitas chances para vencer o jogo, e isso acontecia até os 32 minutos do segundo tempo, quando Clayson empatou a partida. O chute do atacante corintiano foi um dos primeiros de sua equipe.
Antes disso, o Time do Morumbi vencia com o gol marcado por Petros, aos 27 minutos do primeiro tempo.
O resultado se saiu bem melhor para o Corinthians, que não apresentou um bom futebol e se viu envolvido em lances polêmicos. Já para o São Paulo fica a frustração de não sair do Z-4, já que os seus adversários baianos na busca pela salvação venceram seus jogos. Acompanhe as visões da partida, por João Paulo (lado Tricolor) e Adriano Garcia (Timão).



No Maracanã, dois times em contraste se enfrentaram e o resultado manteve o momento igual para os dois.

Com golaço de Egídio aos 41 minutos do primeiro tempo, o Verdão conseguiu mais uma vitória em jogo disputado.

Em seu quarto jogo sem vitória, o Fluminense se aproximou da Zona de Rebaixamento, já o Palmeiras, há quatro sem perder, diminuiu a diferença para o líder Corinthians.
Leonardo Carrazza analisou da seguinte forma.


No Couto Pereira, o Coritiba seguiu sua derrocada. Desta vez, derrota para o Botafogo, em casa, por 3 a 2. Aos 34 minutos do primeiro, Gatito pegou o pênalti de Carleto. No entanto, não adiantou muito, já que dois minutos depois, Werley abriu o placar para o Coxa. Somente aos 11 minutos do segundo tempo o Bota chegou ao empate, com Roger. Oito minutos depois, Guilherme virou o jogo. Aos 37', Carleto se redimiu e empatou a partida pela segunda vez.  Um minuto depois, João Paulo deu a vitória ao Fogão.


No Estádio Olímpico de Goiânia, o Atlético-GO recebeu o Cruzeiro, antes do jogo final da Copa do Brasil, pelo meio de semana. Apesar deste fato e da boa sequência que vivia a equipe mandante, o jogo foi vencido pela equipe visitante, mesmo com o foco na decisão ante o Flamengo no horizonte.
Logo aos 4 minutos, mesmo poupando alguns titulares, os mineiros abriram o placar com o uruguaio Arrascaeta.  Aos 21', Sóbis ampliou. Só deu Cruzeiro no primeiro tempo.
Na volta do intervalo, Luiz Fernando diminuiu para o Dragão, aos 2 minutos. Com isso, o panorama mudou e o Atlético teve as melhores chances, acertando até a trave com Paulinho, mas no fim o placar ficou em 2 a 1 para o time celeste. 



Na Arena Condá, após a eliminação pela Sulamericana no meio de semana, a Chapecoense derrotou a Ponte Preta, em jogo direto na briga contra o rebaixamento. O resultado de 1 a 0 para os mandantes significou um salto na tabela para os donos da casa e a entrada no Z-4 para a Ponte.
O gol da vitória do Verdão do Oeste foi marcado por Lucas Marques aos 43 minutos do primeiro tempo.


No Independência, O Atlético-MG recebeu o Vitória e perdeu mais uma em casa, pelo Brasileirão 2017.
Os visitantes saíram na frente logo aos 2 minutos de jogo, com Neilton. Aos 17 minutos, Cazares empatou.
Com os baianos apostando no contra-ataques, a equipe mineira esbarrava na falta de inspiração para criar situações de gol.
Na segunda etapa, aos 23 minutos, Yago colocou o Leão de novo na frente, e aos 48', Trelléz fechou o placar.
A derrota culminou na demissão do técnico Rogério Micale. Em apenas 11 jogos, o treinador venceu apenas 3 partidas sob o comando do Galo e entrega a equipe a três pontos da Zona de Rebaixamento do Campeonato. Micale já é o segundo comandante demitido no ano pelo Atlético, que acaba de anunciar Oswaldo de Oliveira em seu lugar.



Na Arena Fonte Nova, o Bahia voltou a vencer após 3 jogos no Campeonato pelo placar de 1 a 0, garantido aos 52 minutos de jogo, em lance pra lá de polêmico.

Nos dois tempos as estratégias permaneceram iguais, com os mandantes apostando nos contra-ataques e os gaúchos tendo mais posse de bola e propondo o jogo. Mas apenas na segunda metade da partida ficou melhor, com o Tricolor acertando a trave em uma das investidas. No último minuto de jogo, em pênalti cometido por Edílson, o Bahia conseguiu a sua vitória suada e muito importante. Esta foi a terceira derrota seguida do Grêmio no Brasileirão, o que significou a perda da segunda colocação para o Santos, além do aumento da distância para o líder Corinthians. O Tricolor baiano se livrou do Z-4, onde ficou por algumas horas, no Domingo (24).


No encerramento da rodada, o Sport recebeu o Vasco, buscando voltar a vencer após 7 jogos. E não foi dessa vez. Em jogo marcado por polêmica arbitragem de Sandro Meira Ricci, os times ficaram no empate em 1 a 1. O jogo começou quente e apenas com 20 minutos de jogo, Diego Souza foi expulso por reclamação. O meia recebeu um amarelo e depois o vermelho pela forma veemente com que contestou o árbitro da partida. Com isso, o Vasco se beneficiou e com um a mais terminou o primeiro tempo vencendo. Nenê, aos 38 minutos marcou. Apesar disso, o Sport era superior, mesmo em inferioridade numérica. André perdia as chances do Leão. Porém, aos 39 minutos do segundo tempo, o camisa 9 do time pernambucano se redimiu e de forma suada deu o empate ao Sport.  

Resultados

Sábado, 23/09
Flamengo 1x1 Avaí
Santos 1x0 Atlético-PR

Domingo, 24/09:
São Paulo 1x1 Corinthians
Fluminense 0x1 Palmeiras
Coritiba 2x3 Botafogo
Atlético-GO 1x2 Cruzeiro
Chapecoense 1x0 Ponte Preta
Atlético-MG 1x3 Vitória
Bahia 1x0 Grêmio

Segunda, 25/09:
Sport 1x1Vasco

CLASSIFICAÇÃO

1
Corinthians
54
2
Santos
44
3
Grêmio
43
4
Palmeiras
43
5
Cruzeiro
40
6
Botafogo
40
7
Flamengo
39
8
Atlético-PR
34
9
Vasco
32
10
Chape
31
11
Atlético-MG
31
12
Fluminense
31
13
Bahia
30
14
Sport
30
15
Avaí
30
16
Vitória
29
17
São Paulo
28
18
Ponte Preta 
28
19
Coritiba
27
20
Atlético-GO
22

26ª Rodada

Sábado, 30/09
Bahia x Coxa
Palmeiras x Santos

Domingo, 01/10:
Bota x Vitória
São Paulo x Sport
Cruzeiro x Corinthians
Grêmio x Flu
Avaí x Atlético-GO
Furacão x Galo

Segunda, 02/10:
Ponte x Fla


É apaixonado pelo seu time, tem visão de jogo e gosta de escrever? Venha ser um cronista torcedor, saiba como curtindo e entrando em contato através de nossa página: Jovens Cronistas! (Clique) 

Compartilhe:

Gervasio Henrique

Jovem jornalista, 23. Ciente de que a batalha está começando e mais certo ainda de que lutará com todas as forças por seus ideais. Maior intimidade com esporte, automotivo e cultural. "Sem sonhos não há vida".

Deixe seu comentário:

0 comments so far,add yours