Entre os dias 28,29 e 30 de Outubro, foram realizados os jogos da 31ª rodada do Campeonato Brasileiro, restando agora apenas 7 jogos e 21 pontos a serem disputados. Nesta rodada, tivemos incríveis 7 empates, fazendo com que nenhum dos times dez primeiros colocados vencessem. O líder Corinthians perdeu, e teve a vantagem diminuída mais uma vez. O Palmeiras está a três pontos do rival e os dois times se enfrentam na próxima rodada em jogo que promete ser uma verdadeira final antecipada, na Arena Corinthians. 

Na parte de baixo, o Coritiba saiu e o Avaí retornou a Zona de Rebaixamento. Na artilharia, Henrique Dourado permanece em primeiro. Os jogadores com mais gols que marcaram, foram: Lucca, da Ponte e André, do Sport. Ambos têm agora 11 gols, 5 a menos que Dourado. 




No Pacaembu, para mais de 40.000 pessoas, o São Paulo conseguiu sua segunda vitória seguida, fato inédito sob o comando de Dorival Júnior. 
O time do morumbi começou melhor, pressionando e abriu o placar aos 16 minutos, em belo gol de Marcos Guilherme, que tocou de cobertura por cima de Vanderlei, após belo lançamento de Hernanes. Cinco minutos depois, e o jogo já estava 2 a 0 para o Tricolor. Desta vez, Cueva foi o presenteado por Hernanes. Em outra assistência, o camisa 15 deixou o peruano na boa para ampliar o placar. Ainda no primeiro tempo, aos 33 minutos, Alison pegou belo chute de fora da área e diminuiu para a sua equipe. A jogada foi originado em escanteio mal marcado pela arbitragem. No segundo tempo, o jogo esfriou e as chances foram exporádicas. Mesmo assim, o São Paulo mantinha o controle da partida e quase fez o terceiro aos 32', quando Petros (em mais um passe de Hernanes) acertou a trave de Vanderlei. O Santos pouco fez e perdeu. A derrota santista culminou na demissão de Levir Culpi, que já balançava no cargo. JP Silva analisou a vitória são paulina (Clique).



Na Arena da Baixada, o segundo 0 a 0 da noite de sábado (28) aconteceu entre Atlético Paranaense e Chapecoense. Os times, separados por três pontos na tabela, vinham de duas vitórias e buscavam confirmar o bom momento. Em jogo fraco tecnicamente, os donos da casa se mostraram mais dispostos a buscar a vitória, mas faltava inspiração do setor ofensivo. A Chape, por sua vez, buscava primordialmente se defender e teve a melhor chance do primeiro tempo, quando Thiago Heleno salvou dois chutes seguidos. No segundo tempo, panorama mantido e com Jandrei aparecendo bem, o resultado foi mesmo o empate. 
Com o resultado, as duas equipes permanecem no meio da tabela. 



No clássico carioca realizado no Maracanã, Flamengo e Vasco buscavam voltar a vencer na competição. O jogo foi bastante disputado e terminou empatado em 0 a 0. 

Na primeira etapa, vantagem para o Fla, que conseguiu criar mais chances, mas com Paquetá e Everton Ribeiro, perdeu as principais chances de abrir o placar. No segundo tempo, Nenê acertou a trave após a bola desviar em Juan, e no lance seguinte os flamenguistas reclamaram de pênalti cometido por Matheus Vital. A bola tocou na mão junta ao corpo do meia após carrinho. Daí em diante, o Flamengo perdeu grandes chances, dentre elas, uma com Vizeu na pequena área. Martin Silva apareceu bem pelo Vasco. 



No Independência, dois times com semelhante retrospecto nas últimas rodadas mediram forças. O jogo entre Atlético Mineiro e Botafogo valia também a disputa por uma vaga na Libertadores do ano que vem. 
O primeiro tempo foi muito aquém do esperado por duas equipes que veêm bem na competição e só se viu uma bola indo em direção ao gol. No segundo, os mineiros voltaram com mais apetite e buscaram a vitória, porém o máximo que alcançaram foi uma bola na trave por Rafael Moura, que entrou no segundo tempo. O Botafogo, bem postado por seu técnico Jair Ventura, parecia não se incomodar com um empate fora de casa. Assim, o time carioca buscava investidas pontuais para tentar um gol. No fim, o Galo ainda reclamou de pênalti de Rabello, que não foi assinalado pelo árbitro. 


No Moisés Lucarelli, em Campinas, dois times em má fase realizaram o confronto paulista entre Ponte Preta e Corinthians. 

Com uma proposta muito bem definida, a Ponte de Eduardo Baptista veio para o jogo buscando ser eficiente nas chances que aparecessem para alcançar o resultado, como aconteceu. 
Os personagens da partida foram, Lucca e Aranha. O atacante ponte pretano pertence ao Corinthians, mas está emprestado a Macaca até o fim do ano e foi o autor do gol da vitória, ainda no primeiro tempo. Na partida do primeiro turno, o camisa 9 havia perdido um penâlti. Já o bom e velho Aranha, brilhou na segunda etapa, ao pegar até pensamentos corintianos. Sendo assim, apesar da boa atuação da equipe do Parque São Jorge na segunda metade, o placar foi adverso, como analisa Adriano Garcia (Clique).




Na Ilha do Retiro, um jogo pra lá de movimentado. Um dos mais emocionantes do Campeonato.
O Coritiba saiu na frente com Werley, aos 6 minutos. Aos 23', Diego Souza começou a aparecer na noite, errando o seu primeiro pênalti. 6 minutos depois, o camisa 87, empatou a partida. Aos 39', Henrique Almeida colocou o Coxa de novo a frente do placar. Antes do fim do primeiro tempo, André empatou mais uma vez, aos 41 minutos. Na volta do intervalo, Diego Souza fez o seu segundo gol, aos 16', virando para o Sport. Porém, ainda caberia mais uma reviravolta na partida.  Primeiro, Diego Souza, voltou a perder uma penalidade (segunda defesa de Wilson) e a casa do Leão da Ila começou a cair. Aí, Jonas ao 32', e Yan Sasse aos 45', deram a vitória eletrizante ao time paraense, que saiu do Z-4 com a vitória e encostou no próprio Sport, com os mesmos 35 pontos. Mesma pontuação de Ponte e Avaí, que abrem a Zona da degola.



No Maracanã, duelo de tricolores que buscam se afastar do Z-4. Em meio ao duelo contra o Flamengo pelas semifinais da Copa Sulamericana, o Fluminense chegou a 31ª rodada, buscando lutar nas duas competições. O Bahia buscava o resultado para se manter distante do Z-4.
No comecinho da partida, aos 2 minutos de jogo, Zé Rafael fez bela jogada e bola sobrou para Edgar Junio abrir o placar para os visitantes e jogar um balde de água fria nos cariocas.
Aos 31 minutos, Gustavo Scarpa, cortou para a direita e jogou no canto de Jean, empatando a partida. O meia não comemorou o seu gol, em protesto por estar sofrendo críticas. Então, o goleiro Jean passou a ser peça fundamental na manutenção do empate para o Bahia, que chegava apenas em cruzamentos no segundo tempo. No fim, Matheus Sales foi expulso após entrada por trás em Marlon e o seu time teve que se retrancar para não sair derrotado do Rio. O empate, faz com que as duas equipes caiam e fiquem coladas na tabela, com 39 pontos ambas. 



No duelo de times da Zona de Rebaixamento, Vitória e Atlético Goianiense se enfrentaram no Barradão e mais uma vez o time baiano não conseguiu vencer como mandante. O Dragão, que vinha de três derrotas consecutivas abriu o placar logo aos 10 minutos de jogo, com Luiz Fernando. Os donos da casa, ainda mais pressionados não conseguiam encontrar formas de chegar com eficiência ao gol adversário e o primeiro tempo terminou com chutes de fora da área sendo a principal arma baiana. Na volta do intervalo, o Vitória continou melhor na partida e chegou ao gol, aos 20 minutos do segundo tempo, com José Welison, em chute de fora da área. Aos 24', Paulinho acertou a trave para o Atlético e no lance seguinte, Kieza sofreu pênalti. Porém, Trelléz, o principal jogador do Rubro negro baiano parou em Marcos e deixou escapar a chance da vitória. Com o empate, a situação das duas equipes continuam complicadas.




Na Ressacada, o Avaí recebeu o Grêmio, que foi a campo com os seus reservas. O time gaúcho está focado na semifinal da Copa Libertadores, onde conseguiu grande vantagem no jogo de ida, na última quarta-feira (25). Apesar disso, o Tricolor saiu na frente aos 13 minutos do primeiro tempo, com Rafael Thyere. 15 minutos depois, Pedro Castro empatou, em um belo sem-pulo. Pouco tempos depois, aos 35', Kaio colocou os visitantes mais uma vez a frente do placar. Apesar disso, os catarinenses deixaram claro no fim do primeiro tempo que não venderiam barato uma vitória aos adversários. Tanto que, melhor na volta do vestiário, os avaianos empataram aos 17 minutos, com Leandro Silva desviando chute de fora da área de Betão. Daí em diante, Paulo Victor salvou o Grêmio de uma virada em Santa Catarina. Com o empate o Tricolor gaúcho perdeu a chance de diminuiu ainda mais a diferença para o líder Corinthians, que perdeu na rodada.
O Avaí, com o empate voltou a Zona de Rebaixamento.



No encerramento da rodada, o melhor jogo tecnicamente previsto realmente se concretizou desta forma. Após a derrota do arquirrival Corinthians um dia antes (29), o Palmeiras tinha neste confronto a chance de diminuir para apenas 3 pontos e poder ultrapassar o rival no próximo fim de semana (05), quando as duas equipes medem força na Arena Corinthians. Porém, faltou avisar isso ao Cruzeiro.
O bom time mineiro, campeão da Copa do Brasil não quis saber de nada disso e complicou a vida do Verdão. O confronto também marcou um encontro entre Mano Menezes e Palmeiras. Vale lembrar que após a saída de Cuca, o técnico cruzeirense foi o principal cogitado para assumir a equipe.
Apesar de todo o otimismo, Juninho, aos 6 minutos desvio contra o próprio gol e abriu o placar para os visitantes. Aos 35 minutos, Borja empatou, em um primeiro tempo dominado pelos donos da casa. Na segunda etapa, o Cruzeiro foi melhor e aos 19', Robinho, fazendo valer a lei do ex, colocou o time celeste de novo a frente. Contudo, Borja, aos 40 minutos empatou mais uma vez, dando numeros finais a partida. Léo Carrazza analisou o ''vacilo'' palmeirense (Clique).


Resultados

Sábado, 28/10:
São Paulo 2x1 Santos
Flamengo 0x0 Vasco
Atlético-PR 0x0 Chapecoense


Domingo, 29/10:
Fluminense 1x1 Bahia
Atlético-MG 0x0 Botafogo
Ponte Preta 1x0 Corinthians
Sport 3x4 Coritiba
Vitória 1x1 Atlético-GO
Avaí 2x2 Grêmio

Segunda, 30/10:
Palmeiras 2x2 Cruzeiro



Classificação



1Corinthians5931178640211963.0
2Palmeiras5431166948331558.0
3Santos53311411633221156.0
4Grêmio51311561045281754.0
5Cruzeiro483113993830851.0
6Botafogo483113993932751.0
7Flamengo47311211840291150.0
8Vasco4431128113139-847.0
9Atlético-PR4231119113737045.0
10Atlético-MG4231119113636045.0
11São Paulo4031117134143-243.0
12Chapecoense3931116143643-741.0
13Bahia3931109124041-141.0
14Fluminense3931912104041-141.0
15Sport353198143947-837.0
16Coritiba353198143241-937.0
17Ponte Preta353198143140-937.0
18Avaí3531811122237-1537.0
19Vitória-BA343197153948-936.0
20Atlético-GO273176182948-1929.0

32ª Rodada

Sábado, 04/11:
Santos x Atlético/MG
Bota x Flu
Atlético/GO x São Paulo
Coritiba x Avaí 


Domingo, 05/11:
Corinthians x Palmeiras
Grêmio x Flamengo
Cruzeiro x Atlético/PR
Chape x Sport
Bahia x Ponte
Vasco x Vitória



É apaixonado pelo seu time, tem visão de jogo e gosta de escrever? Venha ser um cronista torcedor, saiba como curtindo e entrando em contato através de nossa página: Jovens Cronistas! (Clique) 


Compartilhe:

Gervasio Henrique

Jovem jornalista, 23. Ciente de que a batalha está começando e mais certo ainda de que lutará com todas as forças por seus ideais. Maior intimidade com esporte, automotivo e cultural. "Sem sonhos não há vida".

Deixe seu comentário:

0 comments so far,add yours