Banner 1

JC Agora

Papo de Torcedor SÃO PAULO - Gols, empates, polêmicas e acidente no Majestoso


Paulistão 2017 - SÃO PAULO 1 X 1 Corinthians

Escalação
Renan Ribeiro; Araruna, Maicon, Rodrigo Caio e Junior Tavares; Jucilei, Thiago Mendes e Cícero; Luiz Araujo, Wellington Nem e Gilberto.

O jogo
Foram 45 minutos de muita obediência tática. Poucas jogadas arriscadas, individuais. Tudo para não levar perigo na defesa cedo demais. Nos últimos 15 minutos da etapa inicial que algumas jogadas apareceram. Do lado corintiano, Jadson e Jô. Do lado são-paulino, Luiz Araujo, com bela defesa com os pés de Cássio, e Wellington Nem, mandando para fora. 

No segundo tempo os times voltaram sem alterações, mas mais dispostos a se lançarem. Foi bem mais interessante também.

Maicon e Luiz Araujo já nos primeiros minutos chegaram perto de fazer o gol. Com quatro minutos escanteio para o SPFC. Araruna cobra, chega em Cícero no segundo pau que desvia para Maicon cabecear no chão abrindo o placar. Aos 18 minutos o gol de empate com cruzamento de Rodriguinho para o meio da área. Jô, sem marcação, subiu e cabeceou sem chances para Renan.

Pouco depois um lance polêmico. Wellington Nem dá um carrinho sobre Leo Jabá. Carrinho não! Uma tesoura na altura da coxa. Juiz deu cartão amarelo para o lance. Merecia, sinceramente, um vermelho direto, Fosse em algum jogador do São Paulo eu ficaria puto. Ceni trocou os atacantes: Gilberto pelo Chavez. Não que tenha surtido efeito. 

Outro lance polêmico. Léo Jabá cruza da direita, Jô se escora em Araruna, ajeita para trás e Rodriguinho marca. O jogo, porém, já estava parado. Juizão viu Jô se apoiando para o suficiente para derruba-lo. No meu entender isso é falta. Bem apitado.

Aos 32 minutos, Maicon cobra perigosamente uma falta, mas Cassio desvia para o alto mandando pra escanteio. Nem aproveita para cruzar para Cicero, Leo Jabá corta um gol certo. Wellington Nem ainda abusa da sorte com uma pisada sobre Rodriguinho. Ceni poderia ter sido mais esperto tirando-o, mas preferiu o Luiz Araujo. Entrou Neilton, que nada fez. Apenas perdeu as bolas que recebia.

Cicero de novo tenta de cabeça após cruzamento de Jucilei, mas arrematou para o alto.  Leo Jabá e Jô ainda fazem a zaga tricolor suar. A resposta foi com contra-ataque de Thiago Mendes, mas Nem desperdiçou com chute fraco. Depois dessa foi só fazer uma simples burrada para Nem ser expulso. Ao disputar bola com Camacho e ele ergue o braço para proteger a bola, mas o juiz entende que quis intencionalmente dar cotovelada. Expulsão com segundo cartão amarelo e vermelho em seguida.

Opinião

São Paulo jogou para o gasto com o tanto de desfalques importantes que tinha. A organização tática no primeiro tempo foi mais um estudo do adversário. Poucos lances mais agudos de ambas equipes. O segundo tempo pegou fogo em todos os sentidos sobre um clássico: gols, polêmicas e expulsão. Maicon fez uma boa partida. Renan também muito seguro. Luiz Araujo e Thiago Mendes pró-ativos. Parabéns ao Jucilei que foi firme quando foi preciso. Wellington Nem foi com mais sede ao clássico do que deveria. Poderia ter sido expulso muito antes não fosse a qualidade do árbitro. Neilton não tá com bola para ser relacionado, sinceramente.

O São Paulo está em segundo lugar e atrás do Linense que tem a mesma pontuação só que uma vitória a mais. Que fase, ein? O Tricolor precisa vencer o próximo jogo contra o São Bernardo, fora de casa e torcer para o Linense tropeçar contra o próprio Corinthians na Arena. A disputa das quarta está definida, mas ficou para a última rodada quem vai decidir em casa.



Mais uma coisa: A comemoração de Maicon imitando uma galinha não é tipo de lance que o juiz tem que apitar para dar amarelo. Se foi esse o motivo tá muito chato ver futebol. Sou do tempo que via jogador comemorando imitando porco ou pescando peixe. Qual problema? Pior que era jogo de torcida única. Vai provocar quem? Lembrei da comemoração de Cueva contra o Santos colocando a mão no ouvido e acharam que estava desrespeitando a torcida. Ah! Vão lamber sabão!



Parabéns aos mais de 51 mil torcedores no Morumbi fazendo uma linda festa!



Não poderia deixar de comentar sobre o lamentável acidente do torcedor são-paulino. Ele estava pulando a cerca de que divide os setores das arquibancadas quando se desequilibrou e caiu de uma altura de 25 metros (equivalente a um prédio de 8 andares). Decisão errada arriscando sua vida. Ademais o São Paulo Futebol Clube e o Papo de Torcedor São Paulo se solidariza com a família sobre acidente fatal. Ele não foi o único a pular de um lado para o outro. Todo jogo tem gente se arriscando para mudar de setor.


Nenhum comentário