Banner 1

JC Agora

Papo de Torcedor INTER - Começando 2015

Pessoal, estou aqui para o Primeiro Papo de Torcedor INTER de 2015, aqui no Jovens Cronistas, não quis me manifestar antes e esperei a primeira partida da pré-temporada, para me manifestar sobre a nova temporada do Colorado, em que teremos logo de início, o Gauchão 2015 e a Libertadores da América, onde estreamos fora de casa, contra The Strongest ou Morelia no dia 17 de fevereiro.

Nesta segunda-feira, o Inter realizou seu primeiro amistoso da temporada, contra o Juventude, em Caxias do Sul e venceu por 3 a 1, das novas contratações, estiveram em campo o lateral direito Léo e o volante Nilton e claro tivemos também as primeiras percepções sobre o novo técnico do Inter, Diego Aguirre.

O time do primeiro tempo foi formado por Alisson, Léo, Ernando, Paulão e Fabrício, Nilton, Willians (Alisson Farias), Aránguiz, Alex, D'Alessandro e Nilmar no 4-2-3-1, e não no esperado 4-4-1-1, com D'Alessandro como enganche, como foi treinado. O time demonstrou mais estabilidade defensiva, mas continua sem a velocidade para atacar.


Sobre os lances, aos 9 Fabrício cruzou e Aránguiz quase fez de cabeça. O Juventude assustou com Zulu aos 16 e o Inter teve novas chances com D'Alessandro aos 25 e aos 33. Nilton aos 37 chutou forte para defesa de Airton e aos 41 minutos Nilmar com um chute rasteiro e abriu o placar após falha da defesa do Juventude.

No segundo tempo, o time veio com um time todo modificado, com Muriel, Cláudio Winck, Ygor, Alan Costa e Alan Ruschel, Rodrigo Dourado, Bertotto, Taiberson (Geferson) Valdívia, Eduardo Sasha e Rafael Moura, em um time com muito mais velocidade e em que se destacaram Valdívia e Sasha, que acredito que mais adiante terão oportunidades entre os titulares.

Sasha aos 4 minutos, quase marcou e aos 11 minutos em cobrança de falta, que desviou na barreira, Cláudio Winck fez o 2 a 0. O Juventude diminuiu com Zulu aos 20 e quase empatou aos 27 com Alan Schons. Alan Costa aos 33, aproveitou sobra da defesa do Juventude, após cobrança de falta de Alan Ruschel e fez 3 a 1 para o Inter. Depois o Juventude se atirou ao ataque, mas não mudou o placar e ainda tivemos Cláudio Winck e Helder expulsos.


Sobre as contratações, que ainda faltam estrear, temos Rever, que deverá acrescentar ainda mais força a nossa defesa e Vitinho, que é o jogador que deverá dar velocidade ao time, se bem que temos opções, mas sempre é bom ter mais opções. 

Sobre os que já estrearam, Léo tem boas qualidades e vem ter uma boa disputa com Cláudio Winck, que espero que não se lesione tanto em 2015. Mas diria que a grande contratação da Temporada é Nilton, que vem para suprir o principal problema colorado em 2014, a falta de um primeiro volante.

Sobre De Arrascaeta, diria que a direção dormiu no ponto, assim como aconteceu no caso Tite, mas acho que fez certo em ir para o Cruzeiro, onde será titular, pois aqui no Inter, acredito que ele acabaria se tornando um reserva, que acabaria entrando ao decorrer das partidas.

O próximo compromisso do Inter é na próxima sexta quando enfrentará o Shakhtar Donetsk no Beira-Rio, será noite para o torcedor Colorado ver o time em ação e matar um pouco as saudades de ex-jogadores colorados como Taíson, Luiz Adriano e Fred,

Abraços a todos e até o próximo Papo de Torcedor Inter, aqui no Jovens Cronistas.




Nenhum comentário