Banner 1

JC Agora

Papo de Torcedor SANTOS - Semana Santista: Derrota inexplicável e a "redenção" de Damião.


  Amigos Santistas e leitores do JC, venho por meio desta crônica comentar a semana do Santos, em que perdemos o SAN-são para o time reserva do São Paulo, e a vitória sobre o Botafogo, que culminou no rebaixamento dos cariocas.
  

  Começarei falando de uma das derrotas mais vergonhosas dos últimos anos, onde perdemos do time reserva do SPFC. Enderson manteve a escalação do jogo anterior, e jogou o clássico com 3 volantes, sacrificando Lucas Lima, que tinha que armar o jogo sozinho e isolando os atacantes. O primeiro tempo foi bisonho, futebol feio de ambas as equipes e muito calor na Arena Pantanal. Vale ressaltar que ainda na primeira etapa, Gabriel sofreu pênalti claríssimo, mas o juiz fingiu que não viu e deixou o jogo seguir. No segundo tempo, Enderson colocou fogo no jogo ao colocar Geuvânio e Thiago Ribeiro. Mas foi o São Paulo que abriu o placar. Após Geuvânio perder uma chance impressionante, Boschilia aproveitou um erro de marcação do Santos e bateu cruzado para dar a vitória ao Tricolor Paulista. Chegamos perto de empatar em diversas oportunidades, chegando a parar no travessão, mas o nosso velho conhecido erro na hora de finalizar mais uma vez atrapalhou. Era a nona partida sem vencer, sendo a sétima no Brasileirão.

  E ontem, contra o Botafogo, finalmente voltamos a vencer, mas a atuação não foi nem um pouco convincente. Thiago Ribeiro tomou a posição do Souza e voltamos ao 4-3-3, e a movimentação era boa, o time criava oportunidades mas não aproveitava, Visto que o Botafogo tem o melhor goleiro do Brasil. Mesmo com o Santos mal, ficou claro o motivo da queda do Fogo, o time é muito fraco tecnicamente. Na segunda etapa, Robinho (mais uma vez) pediu para sair, e Enderson apostou em Damião, E que aposta certeira. O nosso camisa 9 foi muito bem e mostrou que ainda sabe jogar, que dentro da área continua sendo perigoso, e acima de tudo, mostrou ser o Damião que todos os Santistas querem. Logo em sua primeira participação, Damião recebeu fazendo o pivô, deixou Dankler no chão e bateu no cantinho, sem chances para Jefferson. Um golaço. O jogo seguia tranquilo para o Santos, mas muito tenso para os cariocas, que precisavam e muito do resultado, Mas a falta de recursos era impressionante, e o Botafogo acabou sendo castigado, mais uma vez por Damião. O jogador de 42 milhões foi brigador e na raça marcou seu segundo gol na partida e sacramentou a vitória do Peixe, decretando de vez a queda do Fogão.
  Claro que é triste ver um clube tradicional como o Botafogo na série B, mas derruba-los teve um sabor de vingança, e os cariocas acabaram pagando caro por aquele Brasileiro de 95. O que se pode dizer sobre isso é que "A justiça tarda mas não falha". E mesmo 19 anos depois, a justiça foi feita. O Santos encerra sua participação no Brasileirão contra o Vitória no Barradão, podendo rebaixar outra equipe. E dia 06 (Sábado) tem eleição no Santos, e quarta-feira, dia 03, sai o especial sobre a mesma. Até lá! 
  

Nenhum comentário