Banner 1

JC Agora

Papo de Torcedor CORINTHIANS - O futuro com Tite!


Meus amigos, Nação Corintiana, Tite está de volta ao Corinthians, para a alegria da esmagadora maioria da torcida, vamos aqui comentar todos os aspectos desse grande anúncio, os aspectos técnicos, e também o que envolveu a negociação, afinal muita coisa foi chutada por caçadores de manchetes, e isso precisa também ser abordado.

Tite chega para retomar uma história, uma jornada que não deveria ter sido interrompida, o treinador mais vitorioso da história do clube, com uma identificação quase que irreal nos dias de hoje, um treinador com um plano tático muito bem definido, e vencedor ao contrário do que colocam as pessoas com problemas pessoais com o técnico ou memória seletiva. Com Tite o Corinthians voltará á ser um time que detém a posse de bola, que tem um plano de jogo que visa a bola "no pé", o grito ficou eternizado como marca registrada do técnico, e que diz bem a personalidade que ele dá á suas equipes, o Corinthians com Tite passará a administrar as suas vitórias da maneira correta, trabalhando a bola, afinal, quando se tem a bola, se a posse for responsável e inteligente, e não ocasionar erro, fatalmente a possibilidade de tomar gol se torna muito menor, do que tu exigindo á todo momento que sua defesa trabalhe, recuando excessivamente, no aspecto tático eu vejo com muita alegria esse retorno, e pela última vez falando da comparação Tite x Mano, a única explicação que encontro pra quem diz que os métodos de jogo são iguais é o desconhecimento, gente que não consegue avaliar taticamente o futebol, o lastro tático de Tite é muito maior, e mesmo a questão da emoção, enquanto Tite sempre usa esse fator de forma positiva, já Mano Menezes tem uma séria instabilidade nesse aspecto, o que ocasionou muitas situações desagradáveis nessa segunda e desnecessária passagem de Mano pelo Corinthians.

É importante dizer aqui que Tite chega numa mostra de humildade, de um sentimento ainda de desafio em treinar o Corinthians, mesmo já tendo alcançado o topo, a maior prova do amor que ele tem pelo clube, é que ele aceita de bom grado colocar em risco esse amor, essa idolatria que hoje é mútua, em nome de mais conquistas, de mais realizações por esse clube que ele passou á torcer depois de maduro, Tite foi muito homem ao fazer essa escolha, se ele fosse acomodado teria ido ao Inter, que fez proposta maior, e que lutou até o fim para tê-lo. Aliás, ao contrário do que diziam caçadores de manchetes, Tite ouviu ambas as partes até o fim, até a tarde desta Segunda, e decidiu-se pelo Corinthians, e digo sem medo de errar, e dando agora uma simples opinião, decidiu com o coração, decidiu pelo Corinthians por que quer voltar á sentir algo que ele disse que só sentiu aqui, só sentiu com a nossa torcida.

E eu quero dizer uma coisa aqui muito importante próximo do fim deste singelo texto, como dito inicialmente, a maioria enxerga futebol, e sabe da contribuição tática e de grupo que Tite dará ao Corinthians em seu retorno, porém o time vive um momento de transição, de problemas financeiros por conta do pagamento (alô quem acha que estádio foi "doado") da Arena, a renovação com Paolo é complicada, reforços de peso só na posição de volante onde já temos excessivo número de peças, o lateral Edilson é um bom jogador que vai agregar bastante, mas é preciso ter cautela, o Corinthians tem um time forte sim, mas que hoje depende muito de Guerrero, e dependendo de como as coisas transcorrerão será um baque importante pro time, o Corinthians entra forte, mas não entra favorito nas competições, e se os resultados não vierem, que os que tem carinho por Tite não se contaminem pela minoria barulhenta que certamente torcerá contra o treinador por alguma razão, todo time tem gente chata, o Corinthians não é exceção.

Para finalizar, Tite foi apresentado no clube na data do aniversário de dois anos da conquista mais emblemática da história do clube, o Bicampeonato Mundial, um título que teve muito de seu dedo assim como a Libertadores, um time com o padrão tático definido não importasse se do adversário era o Boca, ou o Chelsea, o Corinthians fazia o seu jogo, e jogava de igual contra qualquer clube, tinha a iniciativa contra qualquer clube, e é esse padrão que esperamos recuperar agora, e para isso o torcedor precisa apoiar, não se inflamar por agitadores e torcer com ainda mais veemência, afinal, temos de volta um técnico com mentalidade vencedora, o que faltou em 2013.


E você, o que pensa do retorno de Tite? Opine!

Curta nossa Página: Jovens Cronistas! (Clique)

Imagens: LancePress, FolhaPress.


Nenhum comentário